Esporte

Leicester vence e coloca pressão no Arsenal no Inglês; United volta a perder

23/01/2016 18h22

(Atualiza com resultado de West Ham e Manchester City).

Redação Central, 23 jan (EFE).- O Leicester passou com tranquilidade pelo Stoke City neste sábado por 3 a 0, e pulou provisoriamente para a liderança isolada do Campeonato Inglês, deixando o Arsenal para atrás, em dia de empate do Manchester City derrota do United e de vitórias de Tottenham e Liverpool.

O time comandado pelo italiano Claudio Ranieri levou a melhor com gols do meia inglês Daniel Drinkwater, do goleador inglês Jamie Vardy - que encerrou jejum de sete jogos sem balançar as redes - e do atacante argentino Leonardo Ulloa.

Com a vitória, o Leicester chegou aos 47 pontos, voltando a ficar sozinho na primeira colocação da tabela. Amanhã, o Arsenal tem possibilidade de voltar a igualar a pontuação, caso bata o Chelsea, o que significaria estar novamente em vantagem no saldo de gols.

O Stoke City, por sua vez, perdeu a chance de ficar a apenas um ponto da zona de classificação para a Liga Europa, ao se manter com 33 pontos, agora na nona colocação, duas abaixo da que começou a rodada.

O Manchester City, por sua vez, arrancou empate com o West Ham, fora de casa, em 2 a 2, graças a dois gols do atacante argentino Sergio Agüero, mas apesar da reação, terminará a 23ª rodada mais distante da liderança.

O time londrino saiu na frente logo no primeiro minuto da etapa inicial, graças a gol do equatoriano Enner Valencia. Aos 8, de pênalti, o camisa 10 dos 'Citizens' igualou, depois de ele mesmo sofrer falta na área.

Na etapa final, o roteiro foi parecido, com o principal jogador dos 'Hammers' balançando as redes aos 11, para deixar os anfitriões na frente, e Agüero sendo o responsável por empatar tudo, aos 36 minutos. Nos instantes finais, o volante senegalês Cheikhou Kouyaté quase deu a vitória aos donos da casa, acertando cabeçada na trave.

Com o empate, o Manchester City, que teve o volante Fernando entrando no segundo tempo e Fernandinho acompanhando toda a partida do banco, chegou aos 44 pontos, ultrapassando provisoriamente o Arsenal.

O West Ham, por sua vez, poderia ter entrado na zona de classificação para a Liga Europa, se tivesse vencido. O time segue com sexto colocado, com 36 pontos.

O Manchester United, que vinha embalado de vitória sobre o Liverpool na semana passada, voltou a decepcionar o torcedor, perdendo em pleno Old Trafford para o Southampton por 1 a 0. O gol isolado da partida foi marcado pelo meia inglês Charlie Austin.

O revés deixa os Diabos Vermelhos com 37 pontos, agora cinco atrás do grupo dos quatro primeiros colocados, que garantiriram vaga para a Liga dos Campeões da Europa no fim da temporada. Os 'Saints', por outro lado, emplacaram a terceira vitória seguida e pularam para o oitavo lugar, com 33 pontos.

O Tottenham, certamente, comemorou a queda do United, ainda mais porque venceu o Crystal Palace, na casa do rival, por 3 a 1, abriu boa vantagem na quarta colocação, ao chegar aos 42 pontos, e ainda se manteve colados no trio de principais candidatos ao título, formado por Leicester, Arsenal e Manchester City.

O time anfitrião saiu na frente, graças a gol contra do zagueiro belga Jan Vertonghen, no primeiro tempo. Na etapa complementar, o atacante inglês Harry Kane, o meia inglês Dele Ali e o meia belga Nacer Chadli reverteram o placar para os visitantes.

Na abertura da 23ª rodada, o Liverpool bateu o Norwich por 5 a 4, fora de casa, em partida emocionante, em que Roberto Firmino balançou as redes duas vezes e Adam Lallana definiu o placar aos 49 minutos do segundo tempo, três depois do adversário ter buscado o empate.

Os visitantes, que saíram atrás do placar, graças a gol do brasileiro, chegaram a estar vencendo por 3 a 1 até os 10 minutos do segundo tempo, quando os 'Reds' arrancaram para nova virada com três gols em 20 minutos, com o volante inglês Jordan Henderson, Firmino outra vez, e o meia inglês James Milner.

Na base da pressão, o Norwich empatou em 4 a 4, com o zagueiro camaronês Sébastien Bassong, quase colocando abaixo o estádio Carrow Road. O torcedor anfitrião só não esperava mais um gol do Liverpool, aos 49 da etapa final, anotado pelo meia inglês Adam Lallana.

Com o resultado, o time de Firmino, Lucas Leiva, que ficou em campo 90 minutos, e Philipe Coutinho, desfalque por lesão, chegou aos 34 pontos, subindo para a sétima colocação. Os Canários, por outro lado, seguem perto da zona de rebaixamento, com 23 pontos, no 16º posto.

Com a derrota do Norwich, o Newcastle poderia sair do Z-3, em caso de vitória, mas caiu diante do Watford, agora décimo colocado, por 2 a 1. O time do goleiro Gomes, ex-Cruzeiro, levou a melhor com gols do atacante nigeriano Odion Ighalo e do zagueiro inglês Craig Cathcart.

Vice-lanterna da competição, o Sunderland precisou reagir para conseguir empatar em casa com o Bournemouth em 1 a 1. Já o último colocado, Aston Villa, não saiu da igualdade sem gols com o West Bromwich, no campo do adversário.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo