Esporte

Líder, Napoli passa pela Sampdoria fora de casa no Italiano; Inter tropeça

24/01/2016 14h49

Redação Central, 24 jan (EFE).- O Napoli não tomou conhecimento da Sampdoria neste domingo, mesmo atuando fora de casa, venceu por 4 a 2 e assegurou a liderança do Campeonato Italiano por mais uma rodada, em dia de tropeço da Inter de Milão e vitória da Fiorentina.

Com os volantes Jorginho - naturalizado italiano - e Allan entre os titulares, o time do sul do país levou a melhor graças a gols de Gonzalo Higuaín, Lorenzo Insigne, Marek Hamsik e Dries Mertens. Joaquín Correa e o brasileiro Eder, que também adotou a nacionalidade do país em que atua, descontaram para os anfitriões.

A vitória levou o Napoli aos 47 pontos na tabela de classificação, ficando provisoriamente cinco a frente da Juventus. O detentor do título ainda entrará em campo neste domingo, quando receberá a Roma, quinta colocada.

A Inter de Milão, por sua vez, jogava para manter a distância de quatro pontos para o líder, mas vacilou, mesmo jogando no estádio San Siro, e acabou ficando no empate com o Carpi, antepenúltimo colocado, em 1 a 1.

Os 'nerazzurri', que tiveram Juan Jesus, Alex Telles e Felipe Melo entre os titulares - Miranda entrou no segundo tempo -, saíram na frente graças ao atacante argentino Rodrigo Palacio, aos 39 minutos do primeiro tempo. Nos acréscimos da etapa final, no entanto, o atacante Kevin Lasagna igualou o placar.

A Fiorentina assim, igualou a pontuação da Inter (41), mas pulou para a terceira colocação, graças ao melhor saldo de gols, após vencer em seus domínios o Torino por 2 a 0, se reabilitando de duas derrotas consecutivas.

O meia esloveno Josip Ilicic abriu o caminho para o êxito 'Viola', marcando aos 24 minutos do primeiro tempo. O zagueiro argentino Gonzalo Rodríguez fechou a conta no estádio Artemio Franchi aos 38 da etapa complementar.

Único brasileiro do elenco do time de Florença, o lateral-direito Gilberto, ex-Internacional e Botafogo, passou os 90 minutos no banco de reservas. Atleta da mesma posição, Bruno Peres, ex-Santos, desfalcou o Torino.

A Lazio, graças a 25 minutos fulminantes, venceu o Chievo de virada por 4 a 1 e se aproximou da zona de classificação para as competições continentais, chegando aos 31 pontos, quatro atrás da Roma, quinta colocada.

O zagueiro esloveno Bostjan Cesar colocou a equipe de Verona na frente, logo aos 5 minutos do primeiro tempo. A partir dos 21 da etapa final, Antonio Candreva, duas vezes, Danilo Cataldi e Balde Keita fizeram os gols que decretaram a virada.

O time da capital ficou um ponto atrás do Sassuolo, que perdeu a chance de alcançar a pontuação da Roma, ao perder em casa para o Bologna por 2 a 0. Os experientes Emanuele Giaccherini e Sergio Floccari marcaram os gols da equipe visitante na partida.

Em duelo de times que tentam se afastar da zona de degola, o Palermo venceu a Udinese por 4 a 1, chegando assim aos 24 pontos, igualando o adversário de hoje, ficando seis acima do Carpi, primeiro entre os três que cairiam para a segunda divisão.

Já o lanterna Verona ficou no empate com o Genoa em 1 a 1, em casa, chegando aos dez pontos, ainda sem registrar qualquer vitória. O time azul e vermelho, por sua vez, segue cinco pontos acima da zona de degola.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo