Esporte

Atlético de Madri apresenta recurso contra punição da Fifa

Javier Soriano/AFP Photo
Técnico Simeone não poderá contar com novos jogadores em 2016 se suspensão for mantida Imagem: Javier Soriano/AFP Photo

Da EFE, em Madri

25/01/2016 17h39

O Atlético de Madri apresentou nesta segunda-feira um recurso ao Comitê de Apelação da Fifa contra a proibição de contratar jogadores nas duas próximas janelas de transferências e solicitou a suspensão cautelar da punição até que o caso esteja fechado.

Em comunicado publicado em seu site oficial, o Atlético informou que recorreu do impedimento de poder inscrever atletas espanhóis e estrangeiros e também da multa de 900 mil francos suíços (R$ 3,63 milhões).

"O recurso é dirigido ao Comitê de Apelação do organismo mundial máximo do futebol, e nele é deixado claro que nosso clube não está de acordo com a resolução punitiva e, ao mesmo tempo, consideramos que agimos dentro da legalidade em todos os casos", explicou o clube.

"Além disso, no documento, solicitamos a suspensão cautelar da punição enquanto o caso é resolvido", acrescenta a nota.

Desde o dia do anúncio da punição, divulgada em um documento de mais de 100 páginas no último dia 14, o Atlético avisou que não estava de acordo e que recorreria. O clube, assim como o rival Real Madrid, foi castigado por transferências ilegais de menores feitas entre 2007 e 2014.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Esporte

Topo