Esporte

Após Felipão e espanhol serem especulados, China aposta em solução caseira

03/02/2016 16h38

Redação Central, 3 fev (EFE).- Depois de suposto interesse em Luiz Felipe Scolari e no espanhol Gregorio Manzano, Gao Hongbo foi anunciado nesta quarta-feira como técnico da seleção chinesa masculina de futebol, voltando para a função que desempenhou entre 2009 e 2011.

A solução caseira chega para substituir o francês Alain Perrin, demitido por causa a má campanha nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, em que a China ocupa a terceira colocação, atrás de Catar e Hong Kong, faltando duas rodadas para o fim da segunda fase.

Hongbo deixou a seleção para dar lugar ao espanhol José Antonio Camacho, que ficou mais dois anos na função. Depois disso, o chinês virou auxilar-técnico do ADO Den Haag, que disputa a primeira divisão do Campeonato Holandês.

Nas últimas semanas, o nome de Felipão, atualmente no Guanghzou Evergrande, foi especulado para assumir a equipe nacional asiática. A imprensa local, no entanto, apontava o espanhol Gregorio Manzano, do Shanghai Shenhua como o favorito da federação local.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo