Topo

Esporte

Goleiro diz que México mira novo ouro olímpico no Rio

08/02/2016 22h08

Cidade do México, 8 fev (EFE).- O goleiro Gibran Lajud disse nesta segunda-feira que a seleção sub-23 do México, atual campeã olímpica, tem como objetivo conquistar a segunda medalha de ouro de sua história nos Jogos do Rio de Janeiro, embora saiba que a missão não será fácil.

Nos Jogos de 2012, em Londres, o México subiu no lugar mais alto do pódio após derrotar a seleção brasileira, de Neymar, na final.

"Será difícil, mas trabalhamos da melhor maneira, sabemos que podemos conseguir. Temos a mente voltada à medalha de ouro", disse Lajud em entrevista coletiva durante uma etapa de treinos da seleção dirigida por Raúl Gutiérrez.

"Sabemos que é possível ganhar uma medalha de ouro. Vivemos há quatro anos o sonho, a equipe está esperançosa e estamos bem, nos preparamos da melhor maneira", declarou.

O meia Víctor Guzmán, do Pachuca, que também participou da coletiva, afirmou por sua vez que ver alguns de seus companheiros sub-23 na seleção principal do México o motiva a brigar pela titularidade na equipe olímpica e em seu próprio time.

O técnico da seleção principal, Juan Carlos Osório, convocou para um amistoso com o Senegal os meias Rodolfo Pizarro, Erick Gutierrez e Hirving Lozano, todos do Pachuca.

"Me motiva saber que se eles estão lá (na principal) eu também posso ganhar um lugar no Pachuca. Se eles foram, eu também tenho a oportunidade de ir para a seleção. É uma motivação", declarou.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte