Esporte

Guardiola defende mata-mata com jogo único na Copa da Alemanha

12/02/2016 13h37

Berlim, 12 fev (EFE).- O técnico do Bayern de Munique, Josep Guardiola, defendeu o sistema eliminatório de jogo único utilizado na Copa da Alemanha por, em sua opinião, dar mais chances para os times pequenos surpreenderem os grandes.

Guardiola também se manifestou contra possíveis mudanças, como as equipes da primeira divisão do Campeonato Alemão entrarem mais tarde no torneio.

"O sistema é perfeito. Os times pequenos merecem ter a chance de competir contra os grandes. Na Espanha, com o mata-mata em dois jogos, é complicado, mas aqui, com uma só partida é muito atrativo e muito interessante", acrescentou.

De acordo com o técnico, a primeira rodada contra equipes da terceira ou quarta divisão pode ser complicada para os grandes. Como exemplo, Guardiola lembrou a derrota do Bayern de Lothar Matthäus e Didi Hamann para o modesto Vestenbergsgreuth por 1 a 0 no primeiro jogo das equipes no torneio.

"Não podemos esquecer que Matthäus e Hammn foram eliminados há anos ainda na primeira rodada", recordou Guardiola.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo