Esporte

Nadal: "Não acredito na sorte, mas um pouquinho cai bem"

21/02/2016 01h31

Rio de Janeiro, 21 fev (EFE).- O tenista espanhol Rafael Nadal, após ser eliminado do Rio Open, declarou que não acredita na sorte, embora "um pouquinho caia bem".

"Estou há três partidas seguidas perdendo a muito poucos pontos de ganhar, tanto na Austrália, como em Buenos Aires como aqui. Também um pouquinho de sorte cai bem. Embora não acredite nela. Normalmente tem sorte que trabalha melhor e suponho que não fui eu", disse Nadal.

O número cinco do mundo perdeu na semifinal do Rio Open para o uruguaio Pablo Cuevas por 2 sets a 1, em uma partida com dois 'tie breaks' e parciais de 6-7 (6), 7-6 (3) e 6-4.

Nadal disse que "o gosto na boca não é bom" por ter perdido dois títulos, o de Buenos Aires e o de Rio, após haver chegado às semifinais.

Ele avaliou que contra Cuvas lutou "até o final" e esteve "mentalmente bem", embora tenha admitido que lhe "faltou convicção em alguns momentos importantes da partida".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Esporte

Topo