Esporte

Juventus bate Inter de Milão e deixa Napoli sob pressão no Italiano

28/02/2016 18h45

Redação Central, 28 fev (EFE).- A Juventus manteve a rotina de 2016, de não perder jogos, venceu neste domingo o clássico com a Inter de Milão por 2 a 0, em casa, e abriu, provisoriamente, quatro pontos de frente para o Napoli, na liderança do Campeonato Italiano.

Os dois gols da partida disputada em Turim foram marcados no segundo tempo, pelo zagueiro italiano Leonardo Bonucci, aos 2 minutos, e pelo atacante espanhol Álvaro Morata, cobrando pênalti, aos 39.

Seis brasileiros participaram do chamado "Dérbi da Itália", Alex Sandro e Hernanes, que ficaram 90 minutos em campo pelo time da casa, além de Miranda, Juan Jesus, Alex Telles e Felipe Melo, também atuando na totalidade do duelo pelo time de Milão.

Com a vitória, a Juve, que não perdeu partida em toda as competições que disputa neste ano, chegou aos 61 pontos, contra 57 do Napoli, que entrará em campo amanhã, em visita a Fiorentina, quarta colocada.

A Inter, por sua vez, segue com 48 pontos, ocupando a quinta colocação, apenas um ponto a frente do Milan, que é o primeiro time fora da zona de classificação para competições continentais, através do Campeonato Italiano.

O domingo ainda ficou marcado por fundamental vitória da Sampdoria, na briga contra o rebaixamento. A equipe de Gênova passou, em seus domínios, pelo Frosinone, antepenúltimo colocado, por 2 a 0, abrindo cinco pontos do adversário direto.

O caminho para a vitória foi aberto pelo volante Fernando, ex-Grêmio e Shakhtar Donetsk, que balançou as redes aos 44 minutos do primeiro tempo. O experiente atacante italiano Fabio Quagliarella completou para o time que também contou com o lateral-esquerdo Dodô, ex-Corinthians, aos 24 da etapa final.

O Bologna, por sua vez, desperdiçou oportunidade de seguir subindo na tabela, ao empatar sem gols com o Palermo, fora de casa. Com o resultado, os visitantes estão no nono lugar, com 35 pontos, e os anfitriões caíram para o 17º posto, com 27.

O Chievo saltou para a décima colocação na tabela, graças a vitória sobre o Genoa, em seus domínios, por 1 a 0. O gol isolado da partida foi marcado pelo meia argentino Lucas Castro, aos 6 minutos do segundo tempo.

Já a Udinese também aumentou distância para a zona de rebaixamento, no caso em sete pontos, ao bater em casa o lanterna Verona, por 2 a 0. O meia ganês Badu e o atacante francês Cyril Thereau marcaram para o time de Felipe, Danilo, Guilherme Torres e Edenílson.

O vice-lanterna, Carpi, e a 13ª colocada, Atalanta, empataram em 1 a 1, em resultado ruim para ambos, já que o primeiro está a seis pontos do 17º na tabela, enquanto o time de Bérgamo segue distante apenas sete pontos dos três últimos.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo