Esporte

Messi admite seguir angustiado por vices recentes da Argentina

02/03/2016 11h48

Buenos Aires, 2 mar (EFE).- O meia-atacante Lionel Messi admitiu em entrevista que chegou às bancas nesta quarta-feira, que sofre muito com as derrotas sofridas pela seleção argentina nos últimos anos, principalmente, por entender que ele e os companheiros mereciam melhor sorte.

"Tudo o que foi perdido com a seleção, me angustia, porque sei que deveríamos ter vencido. Na Copa do Mundo, na Copa América, tivemos méritos para isso", afirmou o camisa 10 mais famoso da atualidade, à revista "El Gráfico".

No Mundial disputado no Brasil, dois anos atrás, os argentinos foram derrotados pela Alemanha, na prorrogação, na decisão. Em 2015, o revés veio na disputa de pênaltis, diante da anfitriã, seleção chilena.

Acostumado a demolir marcas históricas com a camisa do Barcelona, seja em competições nacionais ou continentais, Messi garantiu que, com a camisa da 'Albiceleste', se preocupa mais com os títulos, mesmo que não seja o protagonista.

"Não me interessam os recordes. Eu prefiro conquistar algo com a Argentina, nem que seja com um gol contra", disse o craque.

Na entrevista, o camisa 10 ainda falou sobre a relação que mantém com os dois companheiros de ataque do Barcelona, Neymar e o uruguaio Luis Suárez.

"Tentamos trabalhar para a equipe e é ótimo que todos nos sintamos importantes. A confiança que temos é o melhor para isso", avaliou Messi.

O argentino ainda evitou qualquer polêmica com o português Cristiano Ronaldo, do Real Madrid, com quem, nos últimos anos, vem travando seguidos duelos pelo título de melhor jogador do mundo, e também por troféus na Espanha e Europa.

"Somos profissionais que defendemos as nossas equipes. Nunca houve mais do que respeito", explicou.

Questionado ainda sobre a possibilidade de vestir outra camisa, que não a do Barcelona, Messi deixou claro que tem interesse em uma troca de clube no futuro, sem revelar, no entanto, possíveis destinos.

"Não sei quando, mas é uma possibilidade. É algo que eu gostaria de poder fazer", disse.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo