Esporte

Sem Neymar, Barça conta com gols de Messi e Suárez contra o Eibar e goleia

06/03/2016 15h31

Eibar (Espanha), 6 mar (EFE).- O Barcelona ampliou para 36 partidas a sua sequência invicto ao vencer o Eibar por 4 a 0 no Estádio Municipal de Ipurúa neste domingo, pela 28ª rodada do Campeonato Espanhol, mesmo sem poder contar com o atacante Neymar, que cumpriu suspensão.

Foi a 11ª vitória seguida da equipe catalã pela competição, da qual segue firme como líder isolado, com 72 pontos, 11 a mais que o segundo colocado, o Atlético de Madrid. Ainda hoje, os 'Colchoneros' jogarão contra Valencia no Mestalla.

Já o Eibar sofreu a quarta derrota seguida, a sétima nos últimos oito jogos e está cada vez mais distante de uma classificação para competições europeias. O time até é oitavo colocado, mas soma 36 pontos, a seis da zona de Liga Europa e a dez da zona de rebaixamento.

O técnico do Barça, Luis Enrique, teve o desfalque de Neymar, que recebeu o quinto cartão amarelo no meio de semana e inclusive viajou para o Brasil para as comemorações do aniversário da irmã. Com isso, quem resolveu mais uma vez foi Messi, com dois gols, e Suárez, com um.

O primeiro gol dos visitantes, porém, não foi de nenhum deles. Logo aos sete minutos de bola rolando, Suárez tabelou com Messi e tocou para o meio da área para Munir, substituto de Neymar, completar para a rede.

O Eibar teve algumas chances para empatar, mas quem voltou a marcar foi mesmo o time catalão. Aos 41, Messi aproveitou vacilo da defesa, arrancou e tocou por baixo na saída do goleiro. O Bola de Ouro da Fifa também assinalou o terceiro, de pênalti, aos 31 da etapa final.

Faltava o de Suárez, que no sábado perdeu a artilharia do Espanhol para Cristiano Ronaldo. O português foi a 27 gols no campeonato, e 'Luisito' somou seu 26º aos 39, quando deu uma caneta dentro da área, ajeitou o corpo e bateu cruzado.

Mais cedo, no primeiro jogo do domingo, o Betis completou seis partidas de invencibilidade ao derrotar o Granada por 2 a 0 na cidade de Sevilha, com dois gols nos minutos finais. Ndiaye fez 1 a 0 aos 40 minutos da segunda etapa, e Rubén Castro aumentou aos 50. EFE

jfg/dr

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo