Esporte

Pressionados, Grêmio e San Lorenzo medem forças em Buenos Aires

14/03/2016 17h59

Buenos Aires, 14 mar (EFE).- Em segundo lugar no grupo 6 da Taça Libertadores, o Grêmio voltará a campo pela competição continental nesta terça-feira em Buenos Aires para enfrentar o San Lorenzo, que ainda não venceu após três rodadas e corre risco de eliminação com duas rodadas de antecipação.

O Tricolor, bicampeão continental, soma quatro pontos, enquanto o 'Ciclón', que ficou com o título em 2014, segura a lanterna da chave, com dois. O líder é o Toluca, com sete, enquanto a LDU de Quito soma três pontos e aparece na terceira posição. Ou seja, quem perder no estádio Nuevo Gasómetro pode ver a classificação ficar distante ou, no caso do 'Ciclón', até tornar-se inviável.

As duas equipes se enfrentaram na última quarta-feira na Arena do Grêmio, e houve empate em 1 a 1 e voltarão a medir forças num intervalo de seis dias.

Nesse período, tiveram compromissos locais e pouparam forças no sábado, mas obtiveram resultados diferentes. O 'Ciclón' perdeu para o Arsenal de Sarandí em casa e se distanciou da liderança do grupo A do Campeonato Argentino, enquanto o Grêmio bateu o Cruzeiro-RS pelo Gauchão.

Assim como aconteceu na semana passada, o técnico gremista, Roger Machado, não poderá contar com o lateral Wallace Oliveira, nem com o atacante Miller Bolaños, ambos machucados. Tudo indica que ele repetirá o time titular do empate em Porto Alegre, mas Ramiro tem chances de ganhar a disputa com o jovem Wesley para atuar na direita.

No San Lorenzo, o técnico Pablo Guede teve dar explicações por ter escalado os reservas diante do Arsenal, ja que o time tinha a chance de liderar sua chave no nacional.

"Na terça-feira, teremos uma partida importante para nossas aspirações na Libertadores, em que teremos obrigação de vencer. Vamos lutar até que a matemática nos dê por eliminados. A equipe está bem, fizemos boas partidas e tentaremos conquistar os três pontos", disse Guede.

O meio-campista Facundo Quignón e o atacante Nicolás Blandi se recuperaram de problemas físicos e treinaram normalmente nesta segunda-feira. Contudo, o time titular deverá ser o mesmo do empate no Brasil, e os dois provavelmente ficarão no banco.



Prováveis escalações:.

San Lorenzo: Torrico; Buffarini, Angeleri, Caruzzo e Más; Mussis, Ortigoza, Belluschi e Blanco; Cerutti e Cauteruccio. Técnico: Pablo Guede.

Grêmio: Marcelo Grohe; Wesley, Geromel, Fred e Marcelo Oliveira; Edinho e Maicon; Lincoln, Douglas e Giuliano; Luan. Técnico: Roger Machado.

Árbitro: Andrés Cunha (Uruguai), auxiliado pelos compatriotas Miguel Nievas e Carlos Pastorino.

Estádio: Nuevo Gasómetro, em Buenos Aires.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo