Esporte

Quatro atletas russos são flagrados em exame antidoping por uso de Meldonium

21/03/2016 11h44

Moscou, 21 mar (EFE).- A Federação Russa de Atletismo, que está suspensa de competições internacionais por conivência com o doping, anunciou nesta segunda-feira que quatro competidores do campeonato nacional, realizado no mês passado, testaram positivo para Meldonium.

A entidade garantiu, por meio de comunicado, que promoverá uma "profunda investigação" sobre os casos, mas também sobre todo o escândalo do uso da substância, um medicamento cardiovascular, banido do esporte em 1º de janeiro deste ano.

O Meldonium veio à tona com o anúncio da tenista russa Maria Sharapova de que havia testado positivo durante o Aberto da Austrália. Segundo a atleta, ela não havia sido notificada pelos técnicos e demais componentes da equipe que a acompanha, da proibição.

De acordo com a Federação Russa de Atletismo, os flagrados no campeonato nacional, disputado entre 23 e 25 de fevereiro, foram Gulshat Fazletdinova, campeã europeia júnior dos 10 mil metros, em 2013, Nadezhda Kotlyarova, integrante do time do revezamento 4x100 feminino, Olga Vovk dos 3 mil metros com obstáculos e Andrey Minzhulin, ouro nos 5 mil metros na competição.

A entidade garantiu no texto divulgado hoje que alertou todos os competidores que o Meldonium havia entrado na lista de substâncias proibidas pela Agência Mundial Antidoping (WADA). O presidente da federação, Dmitry Shliakhtin, descartou que o caso piore a situação do atletismo do país na tentativa de estar nos Jogos Olímpicos.

"Não complica a situação, pois ela já é complicada", lamentou o dirigente.

De acordo com a imprensa russa, 40 atletas, de dez modalidades diferentes, já testaram positivo para a substância, o que aumenta a suspeita de um esquema sistemático de doping na Rússia.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo