Esporte

Liverpool coloca mística de Anfield à prova para ir à final da Liga Europa

04/05/2016 16h52

Londres/Villarreal, 4 mai (EFE).- Em busca de sua primeira final continental em nove anos, o Liverpool apostará suas fichas na força e na mística do estádio Anfield Road, sede de grandes façanhas ao longo de sua história, para reverter a vantagem do Villarreal nesta quinta-feira e avançar à decisão da Liga Europa.

Os 'Reds' ficaram com o vice da Liga dos Campeões em 2007 e desde então não conseguiu mais se destacar em torneios da Uefa. Para decidir o título no estádio St. Jakob-Park, na Basileia (Suiça), em 18 de maio, o time dirigido por Jürgen Klopp precisará vencer por dois gols de diferença, já que perdeu para o 'Submarino Amarelo' na ida, em El Madrigal, por 1 a 0.

Um milagre em Anfield não seria algo inédito nesta edição da Liga Europa. Nas quartas de final, o Liverpool chegou a estar perdendo para o Borussia Dortmund por 2 a 0 e 3 a 1 e precisava da virada, que acabou acontecendo.

Escritas à parte, Klopp já disse que espera que sua equipe tenha uma atuação bem melhor que a da primeira partida. Além disso, no último domingo, o pentacampeão europeu perdeu para o Swansea por 3 a 1, pelo Campeonato Inglês.

Porém, essa última atuação não pode ser muito levada em conta, já que o treinador alemão escalou vários reservas. Os únicos considerados titulares a terem atuado foram o lateral-direito Clyne, o zagueiro Lovren, o meia Philippe Coutinho e o atacante Sturridge.

A boa notícia para os donos da casa é o provável retorno do volante Emre Can, que voltou a treinar normalmente depois de ter se recuperado de uma lesão no tornozelo. Entre os que normalmente fazem parte da formação inicial, as baixas são o zagueiro Mamadou Sakho, afastado por doping, e o meia Jordan Henderson, machucado.

O Liverpool tem cinco títulos da 'Champions', três da Liga Europa (incluindo suas antecessoras) e muitas finais em seu histórico. O Villarreal, por sua vez, sonha disputar sua primeira final continental.

É a terceira ocasião em que o time espanhol atinge as semifinais de um torneio da Uefa. Ficou pelo caminho de maneira agônica na Liga dos Campeões em 2006, com direito a pênalti perdido por Riquelme contra o Arsenal, e caiu diante do Porto na própria Liga Europa em 2011.

A diferença da disputa atual para as anteriores é que desta vez o 'Submarino Amarelo' jogará a volta em vantagem. Além disso, o técnico Marcelino García Total tem todos os jogadores à disposição. O zagueiro Bailly e o atacante Léo Baptistão vinham sendo os únicos problemas, mas treinaram normalmente nos últimos dias.



Prováveis escalações:.

Liverpool: Mignolet; Clyne, Lovren, Kolo Touré e Moreno; Can (Allen) e Milner; Philippe Coutinho, Lallana e Roberto Firmino; Sturridge. Técnico: Jürgen Klopp.

Villarreal: Asenjo (ou Areola), Mario Gaspar, Musacchio, Víctor Ruiz e Jaume Costa; Bruno, Pina, Denis Suárez e Jonathan Dos Santos; Soldado e Bakambu. Técnico: Marcelino García Toral.

Árbitro: Viktor Kassai (Hungria), auxiliado pelos compatriotas György Ring e Vencel Tóth.

Estádio: Anfield, em Liverpool.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo