Esporte

Barça campeão contou com várias atuações "nível Messi" de Neymar

14/05/2016 16h22

Barcelona (Espanha), 14 mai (EFE).- Neymar termina o Campeonato Espanhol neste sábado como campeão com o Barcelona, contestado por algumas atuações, mas merece status de protagonista, principalmente pelas atuações no primeiro terço da temporada.

Dos 24 gols que o brasileiro marcou na competição nacional, 13 foram nas 13 primeiros rodadas, quando chegou a liderar a tabela de artilheiros, deixando os companheiros Lionel Messi e Luis Suárez, além do português Cristiano Ronaldo, do Real Madrid.

Mais do que os números, durante oito semanas, a partir da sétima rodada, Neymar foi protagonista do Barça, por causa de lesão que tirou o camisa 10 e grande astro do time de combate. A imprensa e a torcida não cansaram de badalar o atacante.

No jogo contra o Rayo Vallecano, pela oitava rodada, que o time catalão venceu por 5 a 2, Neymar balançou as redes quatro vezes, uma delas de pênalti, em recorde pessoal com a camisa que defende desde meados de 2013.

O ponto alto da temporada do 11 'blaugrana' veio na jornada 11 da competição. Contra o Villarreal, no estádio Camp Nou, o craque marcou duas vezes. O segundo gol foi uma obra de arte, com drible desconcertante em adversário e chute de primeira.

Com Messi de volta aos gramados, o Barça cresceu, evoluiu e chegou a emplacar série invicta de 39 jogos em todas as competições disputadas. Neymar, no entanto, começou a gerar notícia mais fora de campo do que dentro.

A transferência do Santos para o time espanhol, principalmente os detalhes sobre valores eram alvo de investigação pelas justiça de Espanha e Brasil. O atacante precisou depôr em um tribunal espanhol no início de fevereiro deste ano.

No mês seguinte, a imprensa pegou no pé de Neymar por causa de viagem ao Brasil para ir à festa de aniversário da irmã, Rafaela, durante fim de semana em que não poderia atuar pelo Barcelona por estar suspenso.

Isso, e a série de resultados ruins da equipe entre a 29ª e a 33ª rodadas do Espanhol, além da eliminação nas quartas de final da Liga dos Campeões da Europa, fizeram o brasileiro ser muito contestado. Além disso, aumentaram as especulações sobre possível transferência na próxima temporada.

No último jogo do campeonato, em vitória sobre o Granada por 3 a 0, Neymar teve ótima atuação, com participação na jogada do primeiro gol de Suárez, e assistência para que o uruguaio fizesse seu terceiro na partida e 40º na competição.

Ao todo, foram 24 gols e 13 passes para que companheiros marcassem em jogos do Espanhol, número semelhantes ao de Messi, que balançou as redes em 26 oportunidades e deu 15 assistências, mas bem distante de 'Luisito', que marcou 40 vezes e serviu companheiros para gol em outras 15 oportunidades.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo