Esporte

Jogadores e dirigentes de clubes a 2ª divisão portuguesa são presos

14/05/2016 17h38

Lisboa, 14 mai (EFE).- Jogadores e dirigentes de, pelo menos, três clubes da segunda divisão do Campeonato Português de futebol foram detidos neste sábado, como parte de uma operação da Polícia Judiciária do país que investiga manipulação de jogos.

O presidente do Leixões, Carlos Oliveira, além do diretor-esportivo do clube, além de atletas do Oriental e Oliveirense, estão entre os 15 encaminhados à delegacia na ação batizada de "Jogo Duplo".

Entre os supostos envolvidos, estão um grupo de torcedores do Porto, um dos principais times do futebol português.

A investigação começou há dois meses e aponta para a movimentação suspeita de milhares de euros em apostas, e o possível recebimento de que jogadores recebiam quantias para prejudicar os próprios times, manipulando resultados.

A Liga Portuguesa de Futebol Profissional, que organiza as duas principais divisões do país, divulgou nota condenando as práticas irregulares "que não respeitem a verdade esportiva" e garantiu ter confiança no trabalho das autoridades.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo