Esporte

Cristiano Ronaldo diz que pretende encerrar carreira no Real e pede renovação

25/05/2016 17h00

Madri, 25 mai (EFE).- O atacante português Cristiano Ronaldo garantiu nesta quarta-feira que pretende jogar no Real Madrid até o fim da carreira, provavelmente, daqui dez anos, e que espera ser procurado em breve para renovar o vínculo contratual.

"Penso que vou me aposentar no Real Madrid. Quero que isso aconteça aos 41 anos ou por volta disso", disse o craque, em participação em programa esportivo da emissora espanhola de televisão "La Sexta".

O camisa 7 do time 'blanco' já até deu data para quando poderá acontecer o acerto com a diretoria, garantindo ainda que a vontade de se transferir, como a imprensa chegou a publicar, nunca existiu por parte dele.

"Veremos se renovo depois da Champions. Eu quero ficar aqui, é óbvio. As pessoas procuram problemas onde não existem", afirmou o português, se referindo à decisão continental de sábado, contra o Atlético de Madrid.

Cristiano ridicularizou a ligação que fizeram sobre uma possível transferência para o Paris Saint-Germain, a partir de um contato que teve com o técnico da equipe, o francês Laurent Blanc, após partida da fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa.

"Se você me trata bem, eu te cumprimento e falo contigo, porque eu vou mudar meu jeito de ser?", respondeu.

Cristiano Ronaldo aproveitou para mandar um recado a todos os dirigentes do mundo que estão interessados a fazer proposta por ele nesta janela de transferências.

"Não vejo nenhum clube melhor que o Real Madrid. Se você colocar tudo na balança, não há nenhum melhor. Todos os outros podem me esquecer, porque o Real Madrid é o melhor", se derreteu em elogios.

Sobre a decisão da 'Champions', que acontecerá no estádio San Siro, em Milão, Cristiano Ronaldo voltou a garantir que o vice-campeonato significará um desfecho ruim de temporada para os 'Blancos'.

"Seria um fracasso não vencer a final. Se vencermos, a temporada terá sido excelente, se perdermos, será um fracasso", disse o português, que garantiu que estará 100% fisicamente no dia do jogo, após sofrer uma pancada em treino realizado ontem.

Por fim, o atacante criticou o espanhol Rafa Benítez, que comandou o Real até a metade da temporada, principalmente, porque o técnico queria ensiná-lo a executar alguns fundamentos, que segundo o jogador, não podem ser ensinados por ninguém.

"Ele me dizia como chutar a bola ou como driblar. Eu tinha que respeitá-lo e pensava: tudo bem, porque há coisas que não se pode discutir com alguém que pensa tão diferente de você", explicou o camisa 7.

Sobre o sucessor de Benítez, o francês Zinedine Zidane, o panorama apresentado por Cristiano Ronaldo foi bastante diferente, com clara admiração por um antigo ídolo no futebol.

"Aprendo muito com ele, que é uma pessoa muito positiva, muito tímida. Me identifico com pessas assim. Ele é profissional e gosta de trabalhar. Espero que possa ganhar a primeira 'Champions' como treinador e que fique aqui por anos", concluiu.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo