Esporte

Com Love de cestinha, Cavs se recuperam e abrem 3 a 2 em série com os Raptors

26/05/2016 05h08

Cleveland (EUA), 25 mai (EFE).- O ala LeBron James não foi o cestinha da noite desta quarta-feira, já que este papel coube ao ala-pivô Kevin Love, mas foi o líder que conduziu o Cleveland Cavaliers ao triunfo contundente, em casa, por 116 a 78, sobre o Toronto Raptors, no quinto jogo da série de melhor de sete das finais da Conferência Leste, que agora o time de Ohio lidera por 3 a 2.

Após ter perdido os dois jogos anteriores disputados em Toronto, onde acontece o próximo duelo da série na sexta-feira, os Cavaliers retornaram a Cleveland e recuperaram imediatamente seu poder ofensivo e defensivo, enquanto os Raptors acabaram sendo atropelados pelos atuais campeões da Conferência Leste.

Desde que chegou à NBA como equipe em 1993, os Raptors jamais chegaram a estar perdendo por 30 pontos diferença antes do intervalo, tanto em partidas da temporada regular como de playoffs.

Se no primeiro duelo da série a equipe canadense perdeu por 31 pontos, a maior vantagem conseguida pelos Cavaliers em sua participação em playoffs, desta vez a diferença foi de 38 pontos.

LeBron ficou em quadra por 32 minutos e anotou 23 pontos, oito assistências e seis rebotes, enquanto Love, que esteve apagado nos últimos dois jogos, se reencontrou com seu melhor basquete e apresentou 25 pontos, com direito a três bolas de três, além de duas assistências e dois rebotes.

O armador Kyrie Irving, assim como LeBron, também somou 23 pontos, além de três rebotes, três roubadas de bola e três assistências, enquanto Richard Jefferson conseguiu 11 pontos e seis rebotes.

Já os Raptors voltaram a mostrar que dependem muito das atuações de DeMar DeRozan e Kyle Lowry. Assim como nos outros duelos da série disputados em Cleveland, a dupla não teve bom aproveitamento ofensivo, com Lowry somando apenas 13 pontos, com cinco de 12 arremessos de quadra convertidos, e DeRozan 14, a maioria deles em lances livres (10 de 12) e apenas dois acertos nos chutes de quadra.

O pivô congolês Bismack Biyombo, que foi um dos fatores decisivos do time canadense nas últimas partidas, principalmente na defesa, hoje esteve discreto e obteve apenas quatro rebotes, comparados aos 40 combinados nos jogos 3 e 4, além de sete pontos.

O jogo ficou definido ao término do terceiro período, quando a parcial estava em 100 a 60 para os Cavs, que se deu ao luxo de poupar seus titulares no último quarto.

No primeiro tempo, o time de Cleveland construiu uma vantagem de 34 pontos a seu favor e, em nenhum momento, diminuiu o ritmo de jogo e seu domínio das ações dentro da quadra.

"Sabíamos que tínhamos que nos reencontrar com nosso melhor jogo coletivo e isso foi o que aconteceu", declarou LeBron James ao término da partida. "Estamos com a vantagem de quadra em nosso poder e invictos a sete jogos em Cleveland", concluiu.

Na próxima sexta-feira as duas equipes se enfrentam no Air Canada Centre, em Toronto, e o time anfitrião precisará vencer para forçar o sétimo jogo, caso contrário, o Cleveland avança para as finais, onde enfrentará o ganhador da série entre Golden State Warriors e Oklahoma City Thunder.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo