Esporte

Desfalcada, seleção brasileira faz último amistoso antes da Copa América

28/05/2016 14h17

Redação Central, 28 mai (EFE).- A seleção brasileira fará neste domingo, com muitos desfalques, o primeiro e único amistoso de preparação para a Copa América, encarando o Panamá, em Denver, nos Estados Unidos, às 22h30 (horário de Brasília).

Já sem Neymar, que não faz parte do grupo a pedido do Barcelona, sendo liberado apenas para os Jogos Olímpicos, o técnico Dunga ainda perdeu Douglas Costa e Ricardo Oliveira por lesão, e não terá neste jogo o volante Casemiro e o lateral-esquerdo Filipe Luís, envolvidos na final da Liga dos Campeões da Europa.

Para restringir ainda mais as opções do comandante da seleção, Daniel Alves se apresentou com problema físico, e Rafinha Alcântara tem lesão muscular. Apesar de mantidos no grupo, até o momento, ambos estão vetados do amistoso preparatório.

Com isso, a expectativa é de um 11 inicial bastante diferente do que disputou os últimos jogos das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018. Nas laterais, por exemplo, estarão dois atletas com idade olímpica, Fabinho, na direita, e Douglas Santos, na esquerda.

A maior novidade estará no setor ofensivo, com Jonas comandando o ataque. O jogador do Benfica, artilheiro do Campeonato Português, com 32 gols, será o homem de referência, enquanto Willian e Philippe Coutinho são os favoritos para jogar abertos pelos lados.

Para o jogo, e o decorrer da Copa América, Dunga tem opção de montar um setor de meio mais sólido, com Luiz Gustavo, Elias e Renato Augusto, mas pode dar mais qualidade técnica, tirando o volante do Wolfsburg, recuando o meia do Corinthians e colocando Lucas Lima entre os titulares.

A seleção panamenha, que é treinada pelo colombiano Hernán Darío Gómez há dois anos, também participará da edição especial de centenário da Copa América, integrando no grupo D, que também tem Argentina, Bolívia e Chile.

Os dois principais jogadores do elenco são os atacantes Blas Pérez, do Vancouver Whitecaps, do Canadá, que disputa a liga profissional americana, e Luis Tejada, que está atualmente no Juan Aurich, do Peru.

O zagueiro Felipe Baloy, capitão da seleção panamenha, é velho conhecido dos brasileiros, já que defendeu o Grêmio, entre 2003 e 2004, e o Atlético Paranaense em 2005.

O Brasil já encarou o adversário três vezes, vencendo todas. A última aconteceu na preparação para a Copa do Mundo de 2014, com goleada por 4 a 0, no estádio Serra Dourada, em Goiás, em Neymar, Daniel Alves, Hulk e Willian balançaram as redes.



Prováveis escalações:.

Brasil: Alisson; Fabinho, Gil, Miranda e Douglas Santos; Luiz Gustavo (ou Lucas Lima), Elias e Renato Augusto; Willian, Philippe Coutinho e Jonas. Técnico: Dunga.

Panamá: Penedo; Machado, Baloy, Cummings e Escobar; Cooper, Henríquez, Quintero e Gómez; Pérez e Tejada. Técnico: Hernán Darío Gómez.

Estádio: Dick's Sporting Goods Park, em Denver (Estados Unidos). EFE

mp/bg

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo