Esporte

Valls diz que França não escolhe seus jogadores por origem ou cor de pele

02/06/2016 03h27

Paris, 2 jun (EFE).- O primeiro-ministro da França, Manuel Valls, disse nesta quinta-feira que a França "não seleciona seus jogadores em função da cor de sua pele ou sua origem" e criticou o atacante Karim Benzema por não oferecer "a visão correta" de seu país.

Em uma entrevista a um grupo de veículos de imprensa internacionais, entre eles a Agência Efe, o primeiro-ministro falou sobre a polêmica gerada pelas declarações de Benzema ao jornal "Marca", nas quais o jogador do Real Madrid assegurou que o técnico Didier Deschamps "se rendeu à pressão de uma parte racista da França" ao deixá-lo de fora da Eurocopa.

As palavras do atacante "não são a visão correta do que é França, porque não se seleciona os jogadores em função de sua cor de pele ou sua origem", afirmou Valls, para quem esse debate "não é bom".

"Há bons jogadores, há um coletivo, há a imagem que cada jogador passa e há um treinador que decide. Cada um deve ter orgulho de suas origens, mas não se seleciona os jogadores sobre a base dessas origens, e não se pode suspeitar que Deschamps faça isso", afirmou o premiê.

Apesar de tudo, Valls lembrou que a Copa do Mundo da França, que o país organizou e ganhou em 1998, "tinha começado mais ou menos com as mesmas críticas e os mesmos comentários, tanto sobre o treinador como sobre a equipe", portanto, o premiê se disse "bem mais otimista" sobre o desempenho dos 'Bleus' na Euro.

Para Valls, aquela seleção francesa, conhecida como a "black-blanc-beur" (negro-branco-mestiço), encarnava "uma forma de convivência e de esperança", que inclusive contribuiu para mudar o estado de ânimo do país.

"Não sou o técnico da França, este é Deschamps, que foi um jogador formidável, que ganhou tudo e que também é muito bom treinador, e é ele quem escolhe os integrantes da seleção", lembrou Valls.

O chefe de governo considerou que, jogando em casa, a França é favorita para vencer a competição, já que, a seu entender, tem jogadores capazes de levantar a taça, mesmo com a ausência de Benzema.

O jogador do Real Madrid foi excluído do torneio por Deschamps e pela Federação Francesa de Futebol após ser acusado de suposta participação em um caso de chantagem, através de um vídeo com conteúdo sexual, contra seu companheiro de seleção Matthieu Valbuena, que também ficou fora da lista de convocados.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo