Esporte

Forte na frente, inquieta atrás: França busca equilíbrio para vencer em casa

08/06/2016 19h55

Paris, 8 jun (EFE).- Com a vantagem de jogar em casa, a França disputará a Eurocopa com uma de suas melhores versões dos últimos anos, embalada principalmente pela potência de um ataque com nomes como Antoine Griezmann, Anthony Martial e Olivier Giroud, mas com o sinal de alerta ligado devido às baixas na defesa.

O técnico Didier Deschamps já está acostumado a reconstruir a seleção francesa, já que foi o responsável por formar um novo grupo após a Copa do Mundo de 2010 e a Euro de 2012. Desta vez, pelas opções de que dispunha, ele parece ter compensado melhor as ausências no ataque que as da retaguarda.

Nos últimos dias, Deschamps perdeu os zagueiros Raphael Varane e Jeremy Mathieu, machucados. Antes, já soube que não poderia contar com Mamadou Sakho, suspenso preventivamente por doping.

Para piorar, na última semana houve o corte do volante Lassana Diarra. Peça importante para a marcação, o atleta do Olympique de Marselha machucou o joelho esquerdo em amistoso contra Camarões, vencido pelos 'Bleus' por 3 a 2, e foi substituído por Morgan Schneiderlin na convocação.

Nesse contexto, Laurent Koscielny desponta como o principal pilar defensivo e deverá ter a companhia de Adil Rami, chamado de última hora e que não vinha figurando nas listas de Deschamps.

O treinador ainda teve de convocar o inexperiente Samuel Umtiti, lateral-esquerdo de 22 anos que atua pelo Lyon. Contudo, o titular do setor deverá ser o veterano Patrice Evra, com Bacary Sagna na direita e Hugo Lloris como goleiro e capitão.

Do meio para frente, as grandes ausências são Mathieu Valbuena e Karim Benzema. O meia do Lyon é vítima em um escândalo de chantagem com um vídeo íntimo, e o atacante do Real Madrid é apontado como cúmplice dos chantagistas. Também está fora o meia-atacante Frank Ribéry, que decidiu se aposentar da seleção depois de ter se ausentado da Copa do Mundo de 2014 por contusão.

Deschamps acredita que essas baixas, incluindo a de Ribéry, são importantes para a paz no elenco. Sem eles, a França perde duas peças de qualidade, mas nem por isso deixa de ter estrelas à disposição.

A campeã continental de 1984 e 2000 tem como destaque Antoine Griezmann, destaque do Atlético de Madrid vice-campeão europeu. Com uma personalidade totalmente diferente da do centroavante do Real Madrid, o atacante 'colchonero' caiu nas graças da torcida, que já se esqueceu da suspensão recebida por ele certa vez por ter abandonado a concentração da seleção sub-20.

Embora tenha apenas 25 anos, Griezmann é referência num grupo de jovens estrelas, no qual também se sobressaem o meia Paul Pogba, de 23 anos, e Martial, de 20. Este último briga com Dimitri Payet por um lugar na linha de frente, que conta ainda com Giroud.

No banco, uma boa opção será André-Pierre Gignac, que ousou jogar no futebol mexicano, onde defende o Tigres, mas nem por isso deixou de ter a confiança do técnico.



Confira a lista de convocados da França para a Eurocopa:.



- Goleiros: Benoit Costil (Rennes/FRA), Hugo Lloris (Tottenham/ING) e Steve Mandanda (Olympique de Marselha/FRA).

- Defensores: Lucas Digne (Roma/ITA), Patrice Evra (Juventus/ITA), Cristophe Jallet (Lyon/FRA), Samuel Umtiti (Lyon/FRA), Laurent Koscielny (Arsenal/ING), Ellaquin Mangala (Manchester City/ING), Bacary Sagna (Manchester City/ING) e Adil Rami (Sevilla/ESP).

- Meias: Yohan Cabaye (Crystal Palace/ING), Kingsley Coman (Bayern de Munique/ALE), N'Golo Kanté (Leicester City/ING), Blaise Matuidi (Paris Saint-Germain/FRA), Dimitri Payet (West Ham/ING), Paul Pogba (Juventus/ITA), Morgan Schneiderlin (Manchester United/ING) e Moussa Sissoko (Newcastle/ING).

- Atacantes: André-Pierre Gignac (Pumas/MEX), Olivier Giroud (Arsenal/ING), Antoine Griezmann (Atlético de Madrid/ESP) e Anthony Martial (Manchester United/ING).



Time base: Lloris; Sagna, Rami, Koscielny e Evra; Kanté, Matuidi e Pogba; Griezmann, Martial e Giroud. Técnico: Didier Deschamps.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo