Esporte

Seleção ucraniana disputa Eurocopa em meio a crise política que rachou elenco

08/06/2016 20h06

Kiev, 8 jun (EFE).- Sempre bem cotada por causa de talentos individuais como Andriy Shevchenko e Sergey Rebrov, no passado, e agora com Yevhen Konoplyanka, a seleção da Ucrânia chega neste ano para a Eurocopa dividida pelo conflito separatista que assola a antiga república soviética.

As tensões chegaram ao principal duelo entre clubes do país, entre Shakhtar Donetsk, de região pró-Rússia, e o Dínamo de Kiev, da capital. O volante Taras Stepanenko, ao balançar as redes para o time laranja e negro, em um dos gols da vitória por 3 a 0, beijou o escudo na camisa, como se reafirmasse a defesa de uma causa.

O gesto foi entendido como provocação pelos adversários, e uma confusão foi iniciada. O meia-atacante Andriy Yarmolenko, um dos destaques do Dínamo, ficou furioso e chegou a agredir o companheiro de seleção, recebendo três partidas de suspensão. O atleta da equipe de Kiev, posteriormente, se negou a fazer pedido público de desculpas.

Depois do anúncio da convocação pelo técnico Mikhail Fomenko, os dois titulares da seleção tiveram que posar juntos, em clima de constrangimento, para mostrar aos jornalistas e torcedores que a paz estava selada.

Um novo "racha" entre o grupo de atletas ligados ao Dínamo, com maior sentimento nacionalista, e o de jogadores do Shakhtar, que, inclusive, respondem perguntas em russo durante entrevistas coletivas, é o maior risco para o sucesso da Ucrânia, que está no grupo C, ao lado de Alemanha, Irlanda do Norte e Polônia.

Além do conflito interno, o maior desafio para Fomenko é superar a fragilidade da defesa, já que Oleksandr Kucher e Yaroslav Rakitskyi, apesar do entrosamento que trazem do Shakhtar, não inspiram confiança e deixam o setor em nível inferior ao do meio e do ataque da seleção.

A grande aposta ofensiva é Yevhen Konoplyanka, que se destacou no Dnipro Dnipropetrovsk e foi contratado pelo Sevilla, conquistando nessa temporada a Liga Europa. Na temporada, o meia-atacante de 26 anos, no entanto, não brilhou como o esperado e chegar a amargar período na reserva.

Entre as revelações que a Ucrânia apresentará na Eurocopa, a que gera mais expectativa é o meia Viktor Kovalenko, do Shakhtar Donetsk, de apenas 20 anos, que vem mostrando faro de gol na equipe, mas ainda não ganhou espaço na equipe de Fomenko.



Confira a convocação da Ucrânia para a Eurocopa:.



Goleiros: Denys Boyko (Besiktas/TUR), Andriy Pyatov (Shakhtar Donetsk/UCR) e Mykyta Shevchenko (Zorya Luhansk/UCR).

Defensores: Bohdan Butko (Shakhtar Donetsk/UCR), Olexandr Kucher (Shakhtar Donetsk/UCR), Yaroslav Rakitskiy (Shakhtar Donetsk/UCR), Vyacheslav Shevchuk (Shakhtar Donetsk/UCR), Artem Fedetskiy (Dnipro/UCR) e Yevhen Khacheridi (Dínamo de Kiev/UCR).

Meias: Oleksandr Karavayev (Zorya Luhansk/UCR), Yevhen Konoplyanka (Sevilla/ESP), Viktor Kovalenko (Shakhtar Donetsk-UCR), Taras Stepanenko (Shakhtar Donetsk-UCR), Ruslan Rotan (Dnipro/UCR), Denys Garmash (Dínamo de Kiev/UCR), Sergiy Rybalka (Dínamo de Kiev/UCR), Sergiy Sydorchuk (Dínamo de Kiev/UCR), Anatoliy Tymoshchuk (Kairat/CAZ), Oleksandr Zinchenko (Ufa FC/RUS).

Atacantes: Pylyp Budkivskyi (Zorya Luhansk/UCR), Yevhen Seleznyov (Shakhtar Donetsk/UCR), Andriy Yarmolenko (Dínamo de Kiev/UCR) e Roman Zozulya (Dnipro/UCR).



Time base: Pyatov; Fedetskiy, Khacheridi, Rakitsky e Shevchuk; Stepanenko, Rotan e Sidorchuk; Konoplyanka, Yarmolenko e Zozulya. Técnico: Mikhail Fomenko.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo