Esporte

Argentina terá Messi para tentar buscar classificação contra o Panamá

09/06/2016 16h19

Chicago (EUA), 9 jun (EFE).- A seleção argentina, que voltará a contar com Lionel Messi entre os titulares, buscará nesta sexta-feira contra o Panamá a liderança isolada do grupo D da Copa América e até a classificação às quartas, em confronto que acontecerá no estádio Soldier Field, em Chicago.

Os vice-campeões da competição, desfalcados do camisa 10 mais famoso da atualidade, derrotaram na estreia o Chile, detentor do título da competição por 2 a 1. Agora, em caso de vitória, e empate na outra partida da chave, os comandados por Gerardo Martino se classificarão para as quartas.

Com problemas nas costas, que o tiraram da estreia, Messi teve a presença em campo confirmada nesta quinta-feira. De acordo com técnico, em entrevista coletiva, o craque não teve qualquer recaída nos últimos treinamentos, por isso, atuará sem problemas.

"Na partida contra o Chile, faltava estar um pouco mais solto. Desde ontem, treinou com o grupo sem nenhuma dor, não vemos motivo para que não jogue", garantiu Martino.

Com a volta do astro do Barcelona ao time, o meia-atacante Nico Gaitán perderá lugar entre os titulares. Esta deverá ser a única mudança no 11 inicial que estreou na Copa América contra os atuais campeões, em Santa Clara.

Ángel di Maria e Gonzalo Higuaín serão os dois outros componentes do trio ofensivo da seleção argentina. A missão de articular as ações, novamente, caberá a Ever Banega, contestado pela torcida, mas elogiado pela imprensa do país.

O Panamá venceu a Bolívia e também uma tempestade tropical, que passou pela cidade de Orlando, palco da vitória por 2 a 1, também na segunda-feira. Foi a primeira vez que uma seleção convidada a participar da Copa América venceu na estreia.

A grande esperança da equipe comandada pelo colombiano Hernán Darío Gómez é o veterano atacante Blas Pérez, de 35 anos, que balançou as redes duas vezes na rodada de abertura do grupo D da competição.

O técnico da seleção panamenha garantiu, em entrevista coletiva, não temer o retorno de Lionel Messi a Argentina, mas admitiu que é impossível parar o futuro adversário em caso de uma atuação inspirada.

"As individualidades no mundo do futebol atual são importantes. Messi é um homem que está acima de todos os outros", avaliou o comandante.

Apesar do discurso de falta de medo, Gómez deverá fazer reforço ao setor de marcação do Panamá, com a entrada do volante Valentín Pimentel no lugar do atacante Gabriel Torres, o que fará Pérez atuar isolado entre os zagueiros argentinos.



Prováveis escalações:.

Argentina: Romero; Mercado, Otamendi, Funes Mori e Rojo; Fernández, Mascherano e Banega; Messi, Di María e Higuaín. Técnico: Gerardo Martino.

Panamá: Penedo; Machado, Baloy, Cummings e Miller; Gómez, Cooper, Pimentel, Godoy e Quintero; Pérez. Técnico: Hernán Darío Gómez.

Árbitro: Joel Aguilar (El Salvador), auxiliado pelos compatriotas Juan Zumba e William Torres.

Estádio: Soldier Field, em Chicago (Estados Unidos).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo