Esporte

LeBron marca 32 pontos e Cavs atropelam Warriors com grande estratégia

09/06/2016 04h43

Cleveland (EUA), 8 jun (EFE).- O ala LeBron James e sua equipe, o Cleveland Cavaliers, se reencontraram nesta quarta-feira com seu melhor basquete em casa, no ginásio da Quicken Loans Arena, onde estão invictos na pós-temporada, e venceram o Golden State Warriors, por 120 a 90, no terceiro jogo da série de melhor de sete das finais da NBA, reduzindo a vantagem do time californiano para 2 a 1.

LeBron conseguiu um double-double de 32 pontos e 11 rebotes, além de seis assistências, e foi o líder indiscutível do ataque dos Cavs, que, ao contrário das últimas partidas em Oakland, sempre estiveram no controle do jogo e do placar.

"Pela primeira vez na série fizemos nosso melhor jogo, fomos a equipe que queríamos em todas as facetas e, sobretudo, na estratégia montada pelos treinadores a quem é preciso dar o crédito", disse LeBron James ao término da partida.

Ao lado de LeBron, o armador Kyrie Irving também se destacou ao anotar 30 pontos, 19 deles no primeiro tempo, quando os Cavs impuseram uma vantagem parcial de 51 a 43 e mostraram uma versão completamente diferente da equipe que entrou em quadra nos dois jogos anteriores em Oakland.

O que mais mudou foi precisamente o ala-armador J.R.Smith, sumido nos últimos jogos, e que hoje surgiu como fator surpresa ao conseguir 20 pontos, com cinco das 12 bolas de três dos Cavaliers. A equipe de Cleveland também foi dominante no jogo dentro do garrafão com o pivô Tristan Thompson, que obteve um double-double de 14 pontos e 13 rebotes.

Apesar da ausência do ala-pivô titular Kevin Love, que não se recuperou dos efeitos da concussão na cabeça sofrida no jogo 2, os Cavs dominaram as ações na área pintada com 52 rebotes contra apenas 32 dos Warriors.

Como equipe, os Cavaliers tiveram 53% (48 de 91) de acerto nos arremessos de quadra e 48% (12 de 25) nas bolas de três, comparados com 42% (32 de 76) e 27% (9 de 33), respectivamente, dos Warriors. No controle de bola, o time de Ohio também foi melhor, com 13 turnovers sofridos contra 18 dos atuais campeões.

Hoje, os Warriors não brilharam em nenhuma faceta do jogo coletivo, nem individualmente. O armador Stephen Curry foi o cestinha da equipe, mas esteve bem abaixo do habitual, com 19 pontos, com seis de 13 arremessos de quadra convertidos, entre eles três de nove de fora do perímetro.

"Não há nada a dizer, eles jogaram melhor que nós porque não entramos no jogo, nem fizemos as coisas necessárias para lutar pelo triunfo", declarou o treinador dos Warriors, Steve Kerr. "Já dissemos isso ontem, a série das finais da NBA podem mudar de rumo em qualquer momento".

O ala Harrison Barnes foi o segundo maior pontuador dos Warriors com 18 pontos, enquanto o ala-armador Klay Thompson apenas marcou dez. O banco da equipe também não correspondeu como nos jogos anteriores e só o ala-armador Andre Iguodala se destacou com 11 pontos, com o melhor aproveitamento da equipe, ao anotar cinco de sete arremessos de quadra, com uma bola de três em duas tentativas.

O brasileiro Leandrinho, que foi decisivo nos dois jogos em Oakland com sua eficiência nos arremessos, desta vez conseguiu oito pontos, duas assistências e roubou duas bolas, enquanto Anderson Varejão, ex-jogador dos Cavs, que voltou a Cleveland e jogou por dez minutos, terminou com um ponto, dois rebotes e duas assistências.

O quarto jogo da série será disputado nesta sexta-feira, novamente na Quicken Loans Arena, e mais uma vitória dos Cavs garante a continuação da série até pelo menos o jogo 6.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo