Esporte

Brasil vai atrás da vitória sobre peruanos para garantir liderança do grupo B

11/06/2016 18h13

(Corrige título).

Foxborough (EUA), 11 jun (EFE).- O Brasil encarará a seleção peruana neste domingo, às 21h30 (horário de Brasília, no estádio Gillette Stadium, em Foxborough, buscando a vitória para garantir classificação e a liderança do grupo B da Copa América, independente do resultado da partida entre Equador e o já eliminado Haiti.

Os pentacampeões mundiais lideram a chave com quatro pontos e saldo de gols positivo de seis, seguidos pelos comandados de Ricardo Gareca, que tem a mesma pontuação e saldo um. Logo atrás vem a 'Tri', com dois pontos e zero de saldo.

Se vencer, o Brasil garante o primeiro lugar da chave, mas se empatar, pode ficar sem a liderança caso os equatorianos façam seis ou mais gols de diferença sobre o frágil adversários. Em caso de derrota, a equipe do técnico Dunga terá que contar que o Haiti vença ou empate no outro jogo da rodada.

Os peruanos, liderados em campo por Paolo Guerrero, do Flamengo, por sua vez, sabem que só a vitória interessa, por se ficarem apenas na igualdade, darão adeus ao torneio se o Equador tiver batido o lanterna do grupo B por dois gols de diferença.

Para o jogo contra os peruanos, o técnico Dunga tem um problema: a suspensão de Casemiro. O volante do Real Madrid recebeu dois cartões amarelos nas duas primeiras rodadas da competição e está vetado. Walace e Rodrigo Caio seriam as opções naturais, para um troca simples.

O capitão do tetracampeonato mundial, no entanto, pode fazer alterações no desenho tático utilizado até aqui na competição. Nesse caso, Lucas Lima e Gabriel seriam duas das opções, deixando a seleção bem mais ofensiva.

Novidade praticamente certa para o confronto com os peruanos é a presença de Miranda na zaga. O capitão na Copa América se lesionou pouco antes do início da competição e acabou perdendo os jogos contra Equador e Haiti. Neste domingo, o jogador da Inter de Milão deverá entrar na vaga de Marquinhos.

A seleção peruana, por sua vez, para evitar o risco de uma eliminação precoce, tentará quebrar uma escrita de 21 anos, que é o período sem vitórias contra o Brasil. O último resultado positivo da 'Blanqirroja' foi em amistoso disputado no estádio Mané Garrincha, em Brasília, por 1 a 0.

A grande esperança para vencer e fazer história é Guerrero, principal destaque no empate do Peru com o Equador em 2 a 2, na segunda rodada, com assistências para gols de Christian Cueva e Édison Flores.

A atuação, apesar da vitória ter escapado, agradou Gareca, ex-Palmeiras, que deverá repetir o mesmo 11 inicial do confronto.



Prováveis escalações:.

Brasil: Alisson; Daniel Alves, Miranda, Gil e Filipe Luis; Walace (ou Lucas Lima), Elias e Renato Augusto; Philippe Coutinho, Willian e Jonas. Técnico: Dunga.

Peru: Gallese; Revoredo, Ramos, Rodríguez e Trauco; Tapia, Vílchez e Hohberg; Cueva, Flores e Guerrero. Técnico: Ricardo Gareca.

Árbitro: Andrés Cunha (Uruguai), auxiliado pelos compatriotas Nicolás Tarán e Richard Trinidad.

Estádio: Gillette Stadium, em Foxborough (Estados Unidos).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo