Esporte

Suíça começa com vitória na Eurocopa e mantém invencibilidade sobre Albânia

11/06/2016 12h09

Paris, 10 jun (EFE).- A Suíça venceu a Albânia por 1 a 0 neste sábado no estádio Bollaert-Delelis, em Lens, pelo Grupo A da Eurocopa, em duelo que marcou a estreia da seleção albanesa em competições internacionais e manteve a invencibilidade suíça perante os rivais.

O gol da partida foi marcado logo no início da partida, aos quatro minutos, em cabeceio do zagueiro Schär após cobrança de escanteio.

A Albânia jogou com um a menos desde o 35 minutos do primeiro tempo, quando o zagueiro Cana foi expulso ao tocar com a mão na bola e receber o segundo cartão amarelo.

Com o resultado, a Suíça ocupa a segunda posição do Grupo A, com três pontos, assim como a líder França. Sem pontuar, a Albânia termina a rodada na lanterna, atrás da Romênia, que leva vantagem por ter feito um gol na derrota por 2 a 1 para a seleção anfitriã na sexta-feira.

O triunfo deste sábado manteve a invencibilidade da seleção suíça sobre a albanesa. Em sete partidas disputadas, foram seis vitórias helvéticas e um empate.

O primeiro lance de perigo do jogo terminou em gol. Após cobrança de escanteio de Shaqiri, o goleiro Berisha saiu atrasado e Schär subiu para cabecear e abrir o placar.

Embora tenha sofrido o gol, a seleção albanesa começou a ter mais volume de jogo, mas a evolução foi interrompida com a expulsão do capitão, Cana, que escorregou e tocou a bola com a mão na entrada da área em disputa com Seferovic. Em seguida, Dzemaili caprichou na cobrança, mas a bola explodiu na trave de Berisha.

Apesar da falha no escanteio que resultou o gol e da sorte de contar com a trave, o goleiro albanês foi o principal nome de sua seleção no jogo e travou um duelo particular com o suíço Seferovic.

Aos 42 minutos do primeiro tempo, Berisha defendeu chute cruzado de Seferovic e, no início da segunda etapa, foram duas defesas difíceis, aos sete e aos 21 minutos, em chutes colocados do atacante.

A Albânia perdeu uma grande chance de empatar o jogo aos 41 minutos do segundo tempo. Gashi recebeu belo passe pelo meio da zaga adversária e ficou cara a cara com Sommer, que fechou bem o ângulo e salvou a Suíça ao defender a finalização, no último lance de perigo da partida.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo