Esporte

Copa América faz minuto de silêncio em homenagem a vítimas de Orlando

12/06/2016 20h10

East Rutherford (EUA.), 12 jun (EFE).- A Copa América se uniu neste domingo às demonstrações de solidariedade às vítimas do massacre de Orlando, na Flórida, com um minuto de silêncio antes do início da partida entre Equador e Haiti.

Com as duas equipes em campo e após escutar os hinos nacionais, o MetLife Stadium, em East Rutherford (Nova Jersey), homenageou os 50 mortos e 53 feridos do tiroteio ocorrido na boate Pulse, o pior na história dos Estados Unidos. Os jogadores equatorianos e haitianos observaram o tributo juntos ao redor do círculo central.

O massacre de Orlando, cuja autoria foi reivindicada pelo grupo terrorista Estado Islâmico (EI), foi classificado pelo presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, como "ato de terrorismo e ódio".

O suposto responsável pelo ataque, um cidadão americano de origem afegã identificado como Omar Mateen, que carregava um fuzil e uma pistola, fez reféns na boate Pulse, voltada para o público LGBT, onde abriu fogo indiscriminadamente até ser morto pela polícia.

Segundo o canal americano "NBC News", Mateen ligou pouco antes de iniciar o tiroteio para o telefone de emergências e declarou lealdade ao EI.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo