Topo

Esporte

Autor de gol de mão contra o Brasil, Ruidíaz dá sua versão: "acertou na coxa"

13/06/2016 01h32

Foxborough (EUA), 12 jun (EFE).- Autor do polêmico gol de mão que eliminou o Brasil da Copa América e classificou a seleção peruana para as quartas de final, o atacante peruano Raúl Ruidíaz deu sua versão sobre o lance e alegou que a bola bateu em sua coxa antes de entrar no gol.

"Foi uma jogada muito rápida, e (a bola) me acertou na coxa. Não entendo por que houve uma polêmica, porque foi fair play", declarou o jogador à rede de televisão americana "Univisión" após a partida.

Ruidíaz explicou que, durante a longa discussão gerada após o gol - o árbitro demorou vários minutos para decidir se o gol era válido ou não -, os peruanos estavam "incomodados", mas acabaram satisfeitos com a validação do lance.

Segundo Ruidíaz, a seleção peruana buscou a vitória "durante toda a partida".

Sobre a Colômbia, próxima adversária do Peru, o atacante afirmou que espera "uma partida difícil".

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte