Esporte

Em novo show de LeBron, Cavs vencem Warriors e levam finais para o jogo 7

17/06/2016 03h06

Cleveland (EUA), 16 jun (EFE).- O astro LeBron James voltou a mostrar todo seu poderio técnico e físico na noite desta quinta-feira e levou sua equipe, o Cleveland Cavaliers, à vitória em casa, por 115 a 101, sobre o Golden State Warriors, empatando a série final em 3 a 3 e forçando o sétimo jogo, que acontece no próximo domingo, em Oakland.

Assim como aconteceu no jogo 6, LeBron ficou perto de um triple-double ao somar 41 pontos, com direito a três bolas de fora do perímetro, 11 assistências e oito rebotes, além de quatro roubadas de bola e três tocos, um deles espetacular sobre o astro do time adversário, o armador Stephen Curry.

LeBron também se tornou o primeiro jogador a conseguir marcar mais de 40 pontos em dois jogos seguidos de uma série final depois de Shaquille O'Neal, um feito que foi conseguido pelo ex-pivô do Los Angeles Lakers na decisão contra o Indiana Pacers no ano 2000. Antes de Shaq, o lendário Michael Jordan, do Chicago Bulls, também tinha conseguido essa proeza nas finais de 1993, contra o Phoenix Suns.

Mas LeBron não fez tudo sozinho e contou com grande atuação de seu companheiros, principalmente o armador Kyrie Irving, que foi o segundo cestinha da equipe ao anotar 23 pontos.

Tristan Thompson também se destacou ao ser o principal nome da equipe no jogo dentro do garrafão com um double-double de 15 pontos e 16 rebotes, 14 deles defensivos, enquanto J.R.Smith fechou a contagem de dois dígitos dos Cavs com 14 pontos.

Além da vitória, os Cavs vêm contrariando as estatísticas, já que se tornaram a terceira equipe na história da liga a conseguir forçar o sétimo jogo em uma série final após estarem perdendo por 3 a 1, se igualando a Rochester (1951) e Boston (1966).

LeBron e companhia, no entanto, tentarão o feito inédito que não foi conseguido por essa equipes, o de conseguir levantar o troféu após ficar atrás na série por 3 a 1, e que também encerraria o jejum de títulos da cidade de Cleveland nas ligas esportivas profissionais dos EUA, que vem desde 1964, quando o Cleveland Browns venceu o campeonato de futebol americano da NFL.

Os Warriors, por sua vez, voltaram a contar com o ala-pivô Draymond Green, suspenso do último jogo, mas não tiveram consistência no ataque, com 40,2% de aproveitamento nos arremessos de quadra contra 51,9% dos Cavs. Curry foi o cestinha da equipe, com 30 pontos, mas não soube lidar com os momentos mais tensos do jogo e acabou excluído com seis faltas.

Klay Thompson foi o segundo maior pontuador da equipe californiana, com 25, enquanto Green esteve perto de um double-double com oito pontos e dez rebotes, além de seis assistências. Já os outros titulares, Andre Iguodala e Harrison Barnes, não tiveram bom desempenho ofensivo e este último errou todos os oito chutes que tentou e terminou zerado.

Entre os reservas da equipe californiana, o destaque foi Leandrinho, que somou 14 pontos e se transformou no maior pontuador brasileiro em um jogo das finais da NBA ao lado de Tiago Splitter, que também havia marcado 14 pontos com o San Antonio Spurs nas finais sobre o Miami Heat em 2014. Já Anderson Varejão entrou por pouco tempo e não pontuou.

Agora a decisão segue rumo à Califórnia em um jogo que promete, já que LeBron parece determinado a não repetir a história das finais do ano passado e quer conquistar seu terceiro anel de campeão, o primeiro com a camisa do Cleveland, enquanto os Warriors farão de tudo para não estragar um campeonato histórico no qual emplacaram a melhor marca de todos os tempos com 73 vitórias na temporada regular.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo