Esporte

Curry assume culpa por derrota: "Não fiz o suficiente"

Da EFE

Em Oakland (EUA)

20/06/2016 03h01

Oakland (EUA), 19 jun (EFE).- O armador do Golden State Warriors, Stephen Curry, admitiu que o Cleveland Cavaliers são os merecidos campeões da NBA, mas que no final sua contribuição não tinha sido a que a equipe tinha necessitado para ganhar.

"Parabéns aos novos campeões, lutaram e mereceram a vitória", declarou Curry, o Jogador Mais Valioso (MVP) da liga, que viveu outra partida frustrante em nível individual, após marcar apenas 17 pontos. "O que aconteceu esta noite vai me perseguir por um tempo".

Curry, que converteu apenas 6 de 19 arremessos de quadra, incluindo 4 de 14 tiros de três, reconheceu que não estava inspirado nos arremessos, embora a equipe teve até os últimos segundos a possibilidade de ter ganhado a partida.

O armador disse que não tinha explicação pelo seu pobre rendimento nos arremessos, que em nada teve a ver com a defesa dos jogadores dos Cavaliers.

"Simplesmente falhei, isso é tudo o que posso dizer", afirmou Curry. "Um pouco mais de inspiração e a história teria sido diferente".

O ala-armador Klay Thompson, que também não esteve inspirado nos momentos-chave / chaves dos últimos partidos, incluído o sétimo, anotou só 14 pontos, reconheceu que eles tinham sido os culpados de não conseguir a vitória.

"Tivemos todas as oportunidades para conseguir com 3 a 1 na série e depois no sétimo jogo, mas não fomos capazes de fechar", destacou Thompson, que converteu apenas 6 de 17 arremessos de quadra, incluindo 2 de 10 tiros de três, e não foi nem uma só vez para os lances livres. "Não fizemos as coisas bem".

O ala-pivô Draymond Green, o grande comandante dos Warriors, que foi o único que manteve todo o tempo a equipe na partida com uma contribuição de um duplo-duplo de 32 pontos, 15 rebotes e 9 assistências, disse que os números individuais não serviam para nada se no final não conseguiram a vitória.

"Somos melhor equipe que o que demonstramos nos últimos jogos", afirmou Green. "Mas a realidade que conta são os resultados e estes nos deixaram com três derrotas consecutivas e sem título".

Green, da mesma forma que seus companheiros, parabenizou os Cavs pelo título conseguido, mas reiterou que os Warriors estiveram longe da equipe que no início da série conseguiram a vantagem de 3 a 1.

"Não é normal o que aconteceu", avaliou Green. "Aconteceram certos fatores imprevistos, erros e outras circunstâncias que no final não nos ajudaram, mas devemos superar o momento e voltar a ser a mesma equipe ganhadora da temporada regular".

A consolação que resta aos Warriors, que bateram todas as marcas históricas durante a temporada regular, é que o mundo das apostas de Las Vegas, já aponta a equipe de novo como favorita a conseguir o título da próxima temporada.

Os Cavaliers estão em segundo, seguidos por San Antonio Spurs, Oklahoma City Thunder e Los Angeles Clippers.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Esporte

Topo