Esporte

LeBron leva título da NBA e prêmio de Jogador Mais Valioso da final

20/06/2016 02h36

Oakland (EUA), 19 jun (EFE).- O ala LeBron James brilhou mais do que nunca ao se transformar no grande herói da Final da NBA vencida pelo Cleveland Cavaliers pelo placar de 93 a 89 na sétima partida da série contra o Golden State Warriors neste domingo.

A façanha esportiva, histórica para os Cavaliers e para a cidade de Cleveland, que não ganhava um título de liga desde o ano de 1964 quando os Browns venceram a Liga Nacional de Futebol Americano (NFL), foi possível pela contribuição de LeBron que na sétima partida conseguiu um triplo-duplo (27 pontos, 11 rebotes e 11 assistências).

LeBron terminou as Finais com média de 29,7 pontos; 11,3 rebotes e 8,9 assistências, que lhe permitiram ser escolhido de forma unânime como Jogador Mais Valioso (MVP), após ter tido duas partidas consecutivas, a quinta e a sexta, com 41 pontos.

"É uma alegria imensa que estou sentindo", declarou James, admitindo que os dois títulos anteriores conseguidos com o Heat foram muito importantes, mas este era especial. "Consegui com a equipe da minha cidade e por isso retornei".

LeBron - que jogou a sétima Final da NBA, seis consecutivas, algo que só conseguiu o lendário Bill Russell, o mesmo que lhe entregou o troféu de MVP, que leva seu nome - também ganhou nos títulos conseguidos com o Miami Heat (2012 e 2013).

A estrela dos Cavaliers, que no sábado tinha dito que não lhe preocupava o prêmio de MVP, terceiro que ganha em Finais, disse que queria conseguir o título de campeão, e acabou conseguindo os dois objetivos de forma brilhante.

LeBron se tornou o terceiro jogador na história da NBA que no sétima partida das Finais consegue um triplo-duplo, junto com o lendário Jerry West (1969) e James Worthy (1988), ambos do Los Angeles Lakers.

O ala, de 31 anos, em julho de 2014 decidiu deixar o Heat e voltar como agente livre com os Cavaliers para sua segunda etapa com a equipe que o selecionou em primeiro lugar no draft de 2003.

Os companheiros de equipe foram os que mais louvaram seu grande trabalho, sem o qual nunca teriam conseguido o título de campeões e muito menos virar uma desvantagem de 3 a 1 na série melhor de sete, primeira equipe na história da NBA a conseguir o feito.

O armador Kyrie Irving, que também foi um dos grandes protagonistas na vitória da série e na sétima partida com a cesta de três decisiva que tirou o empate de 89-89 do placar faltando 53 segundos, definiu LeBron como "o melhor jogador do planeta".

O treinador interino dos Cavs, o novato Tyronn Lue, disse que a grande virtude de LeBron não estava só no talento que possuía como atleta, mas no coração "enorme" que tinha.

LeBron viveu a noite mais importante de sua brilhante trajetória profissional e o fez contra a equipe - os Warriors - com a melhor marca de vitórias na história da NBA, que no final não conseguiu ficar com o título desta temporada, como fez na passada.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo