Esporte

Islândia elimina Áustria e vai às oitavas de final em 1ª participação na Euro

22/06/2016 15h08

Paris, 22 jun (EFE).- Com solidez defensiva e objetividade no ataque, a Islândia venceu a Áustria por 2 a 1 nesta quarta-feira no Stade de France, em Saint-Denis, eliminou a seleção adversária e se classificou para as oitavas de final em sua primeira participação na Eurocopa.

Os islandeses saíram na frente com Bödvarsson, aos 19 minutos do primeiro tempo. Ainda na etapa inicial, Dragovic perdeu pênalti que igualaria o placar. O empate veio aos 15 do segundo tempo, em jogada individual de Schöpf. No último minuto da partida, Traustason garantiu o triunfo da seleção estreante no torneio continental.

Com o resultado, a Islândia se classificou na segunda posição do grupo F, com cinco pontos, assim como a líder, Hungria. Em terceiro, Portugal ficou com a outra vaga para as oitavas. Na lanterna, a Áustria somou apenas dois pontos foi eliminada como a única entre as quatro seleções a ser derrotada, duas vezes.

A adversária da Islândia na próxima fase será a Inglaterra, que se classificou na segunda posição do grupo B. A partida será realizada na segunda-feira, no estádio Allianz Riviera, em Nice.

Uma falha do goleiro islandês resultou a primeira oportunidade de perigo na partida desta quarta-feira. Desarmado por Arnautovic na pequena área aos 10 minutos, Halldorsson conseguiu esticar o pé para afastar a bola do atacante, que não conseguiu dar continuidade à jogada.

Se a Islândia começou o jogo com insegurança na defesa, o setor ofensivo provou que estava obstinado e, quatro minutos depois, assutou com bom chute de fora da área de Árnason, mas a bola passou raspando o travessão de Almer.

O placar foi aberto logo em seguida, aos 19. Após bola levantada na área, Árnason desviou de cabeça e a bola chegou a Bodvarsson, que chutou cruzado para balançar as redes.

Com a vantagem no marcador, a seleção islandesa passou a se arriscar menos no ataque e se concentrar na defesa, dando espaço para a Áustria assumir o comando da partida.

Os austríacos tiveram grande oportunidade de empatar ainda no primeiro tempo, aos 37 minutos, em pênalti assinalado após Skulasson puxar o braço de Alaba na área. Na cobrança, Dragovic acertou o pé da trave e desperdiçou a melhor chance até o intervalo.

Sedenta pelo empate, a Áustria começou o segundo tempo com pressão. Logo no primeiro lance, Alaba recebeu dentro da área e finalizou sem marcação, mas Árnason bloqueou o chute quase em cima da linha.

O gol austríaco veio aos 15 minutos, em boa jogada individual de Schöpf, que havia acabado de entrar no lugar de Ilsanker. Ao receber na entrada da área, o meia cortou um marcador e chutou no canto de Halldorsson para igualar.

A Islândia vltou a chegar com perigo aos 19, em boa troca de passes no ataque que deixou Gilfy Sigurdsson na cara do gol para finalizar forte, mas Almer espalmou para salvar a Áustria.

Precisando vencer para evitar a eliminação, a seleção austríaca passou a explorar as jogadas aéreas, sem efeito. A melhor chance veio em forte cobrança de falta de Alaba, aos 34 minutos, mas Halldorsson espalmou para a linha de fundo.

Em meio ao desespero austríaco, os islandeses acabaram com as esperanças dos adversários ao marcar o gol da vitória no último minuto. Em contra-ataque veloz pelo lado direito, Elmar Bjarnason cruzou rasteiro para Traustason dar números finais à partida.

.

Ficha técnica:.

Islândia: Halldórsson; Saevarsson, Árnason, Ragnar Sigurdsson e Skulason; Gunnarsson, Gylfi Sigurdsson, Gudmundsson (Ingason) e Birkir Bjarnason; Bödvarsson (Traustason) e Sigthórsson (Bjarnason). Técnico: Lars Lagerback.

Áustria: Almer; Dragovic, Prödl (Janko), Hinteregger e Fuchs; Ilsanker (Schöpf), Baumgartlinger, Klein, Alaba e Arnautovic; Sabitzer (Jantscher). Técnico: Marcel Koller.

Árbitro: Szymon Marciniak (Polônia), auxiliado pelos compatriotas Pawel Sokolnicki e Tomasz Listkiewicz.

Gols: Bödvarsson e Elmar Bjarnason (Islândia); Schöpf (Áustria).

Cartões amarelos: Skulason, Sigthórsson, Árnason, Halldórsson (Islândia); Janko (Áustria).

Estádio: Stade de France, em Saint-Denis (França).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo