Esporte

Rússia acredita que IAAF é rígida por medo de ser punida pelo COI

26/06/2016 14h11

Moscou, 26 jun (EFE).- O ministro de Esportes da Rússia, Vitaly Mutko, disse neste domingo acreditar que a rigidez da Associação Internacional de Federações de Atletismo (IAAF) com a Rússia se deve ao medo da própria entidade de ser punida pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) por causa dos vários escândalos de doping que afetam muitos países.

"Me dá a impressão de que a IAAF protege a si mesma, porque há vários casos positivos de doping em uma grande quantidade de países. Certamente teme que o COI ou outras instâncias internacionais podem tomar uma decisão (de punição) contra a própria federação", alegou.

Embora o COI permita que atletas russos que provem estar limpos possam competir nos Jogos do Rio apesar de a Federação de Atletismo Russa (FAR) estar suspensa, a IAAF, em cujas mãos o COI deixou a decisão sobre quem está fora de qualquer suspeita, o condicionou a que esses atletas tenham treinado fora da Rússia.

Nestas condições, apenas uma atleta russa, que além disso contribuiu para revelar os escândalos de doping, poderia comparecer aos Jogos.

Apesar de tudo, até 67 atletas russos solicitarão na segunda-feira, de forma individual, sua participação nos Jogos Olímpicos, embora também vão recorrer simultaneamente à Corte Arbitral do Esporte (CAS), em Lausanne, contra a decisão da IAAF, que recentemente manteve a suspensão à FAR.

A suspensão foi imposta pela IAAF depois que uma comissão independente da Agência Mundial Antidoping (Wada) recomendou, em novembro de 2015, excluir a federação russa de qualquer competição internacional, incluindo os Jogos do Rio de Janeiro.

A primeira entidade a acusar a Rússia de doping de Estado foi a rede de televisão pública alemã "ARD", que em um documentário exibido em 2014 expôs um complexo sistema de doping encoberto pelo Estado russo.

Uma comissão independente da Wada confirmou que a Rússia não cumpria os protocolos estabelecidos pelo Código Mundial Antidoping e que o governo de Moscou participa de uma trama de corrupção e de encobrimento para que atletas de elite russos utilizem substâncias proibidas em competições internacionais.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo