Esporte

Djokovic cai em Wimbledon e perde sequência em Grand Slams; Murray avança

02/07/2016 19h51

Londres, 2 jul (EFE).- Vencedor dos últimos quatro Grand Slams, Djokovic perdeu uma invencibilidade de 30 partidas em 'majors' neste sábado ao ser eliminado pelo americano Sam Querrey na terceira rodada de Wimbledon, enquanto o britânico Andy Murray e outros favoritos passaram de fase.

Número 1 do mundo, 'Nole' não perdia uma partida Slam desde a final de Roland Garros no ano passado. Além disso, não caía em um dos quatro grandes torneios antes da segunda semana desde 2009, quando foi derrubado em Paris pelo alemão Philipp Kohlschreiber também na terceira fase.

A derrota impede o sérvio de realizar dois grandes feitos. Ele ficou a uma vitória da maior sequência invicta em 'majors', de 31, do australiano Rod Laver, e já não tem chances de fechar neste ano o chamado 'Calendar Slam', ou seja, faturar os títulos do Aberto da Austrália, de Roland Garros, de Wimbledon e do US Open no mesmo ano. Apenas o próprio Laver (1962 e 1969) e o americano Donald Budge (1938) chegaram lá.

A partida, que teve parciais de 7-6(6), 6-1, 3-6 e 7-6(5), foi iniciada ontem, mas teve ser interrompida após o americano fechar o segundo set devido ao mau tempo. Na retomada, Djokovic venceu a terceira parcial e chegou a sacar para fechar a quarta, mas viu o adversário reagir e batê-lo no tie-break.

Algoz do brasileiro Thomaz Bellucci na segunda rodada, Querrey se tornou o primeiro americano a bater um número 1 do mundo desde a vitória de Andre Agassi sobre Lleyton Hewitt nas semifinais do US Open de 2002, enfrentará nas oitavas de final o francês Nicolas Mahut, que derrotou o compatriota e companheiro na chave de duplas, Pierre-Hugues Herbert.

Já Murray não teve grandes dificuldades diante do australiano John Millman e se classificou para as oitavas com um triunfo por 3 a 0, com parciais de 6-3, 7-5 e 6-2. O segundo colocado do ranking da ATP espera agora pelo vencedor do duelo entre o australiano Nick Kyrgios e o espanhol Feliciano López, que foi paralisado pelo mau tempo, protagonista mais uma vez, com empate em 1 set a 1.

A lista de cabeças de chave que avançaram neste sábado tem ainda o japonês Kei Nishikori (5), o canadense Milos Raonic (6), o croata Marin Cilic (9), o belga David Goffin (11), o australiano Bernard Tomic (19) e o alemão Alexander Zverev (24).

Na chave feminina, a maior surpresa foi a derrota da tcheca Petra Kvitova, bicampeã em Wimbledon, que caiu diante da russa Ekaterina Makarova ainda na segunda rodada com uma derrota por 2 a 0, em jogo que teve parciais de 7-5 e 7-6 (5).

Outras cabeças de chave que venceram hoje foram a polonesa Agnieszka Radwanska (3), a alemã Angelique Kerber (4), a romena Simona Halep (5), a americana Madison Keys (9) e a eslovaca Dominika Cibulkova (19), algoz da canadense Eugenie Bouchard, vice em 2014. EFE

mlm/dr

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo