Esporte

Del Potro é eliminado em Wimbledon; Serena vence pela 300ª vez em Grand Slams

03/07/2016 16h50

Londres, 3 jul (EFE).- Depois de ter empolgado a torcida ao eliminar o suíço Stan Wawrinka, o argentino Juan Martín del Potro não conseguiu manter o ritmo e foi eliminado do torneio de Wimbledon neste domingo pelo francês Lucas Pouille, 32º cabeça de chave, enquanto entre as mulheres a americana Serena Williams obteve a 300ª vitória da carreira em partidas de Grand Slams.

O chamado 'middle sunday', ou "domingo do meio", costuma ser de folga no All England Club. No entanto, os atrasos causados pela chuva, que não vem dando trégua em Londres, fizeram com que alguns atletas fossem à quadra hoje.

O jogo de Del Potro foi um dos interrompidos no sábado, quando o argentino perdia por 2 a 1. No reinício, Pouille confirmou a vitória por 3 sets a 1, com parciais de 6-7(4), 7-6(6), 7-5 e 6-1, e se classificou para as oitavas de final, em que enfrentará o australiano Bernard Tomic.

Outro representante da Austrália entre os 16 melhores é Nick Kyrgios, que neste domingo completou a partida contra o espanhol Feliciano López com um triunfo por 3 a 1, com 6-3, 6-7(2), 6-3 e 6-4. O 15º favorito será o próximo adversário do tenista da casa Andy Murray, campeão em 2013.

"Acredito que tenho as armas para vencer Andy, mas ele é claramente um dos melhores jogadores do mundo, e provavelmente o favorito neste momento, quando Novak está já fora", declarou Kyrgios após a classificação.

No jogo mais longo desta edição do Grand Slam londrino até agora, o francês Jo-Wilfried Tsonga salvou um match point e derrotou o americano John Isner por 3 sets a 2 de virada, com parciais de 6-7(3), 3-6, 7-6(5), 6-2 e 19-17, em 4h25min.

Fiel à fama de lutador incansável, Tsonga não se abateu por ter saído atrás no duelo, também iniciado ontem, e buscou a vaga. Dessa forma, a França já tem garantido um representante nas quartas de final, já que o 12º cabeça de chave enfrentará o compatriota Richard Gasquet, sétimo, que passou pelo espanhol Albert Ramos-Vinolas.

A República Tcheca também estará presente nas quartas, já que Tomas Berdych, cabeça de chave número 10, venceu a promessa alemã Alexander Zverev por 3 a 1 (6-3, 6-4, 4-6 e 6-1) e jogará contra Jiri Vesely, carrasco do português João Sousa em sets diretos.

Entre as mulheres, Serena bateu a alemã Annika Beck com direito a "pneu" e agora soma 300 vitórias em Grand Slams, igualando a compatriota Chris Evert e ficando a apenas seis da americana de origem tcheca Martina Navratilova.

Em busca do 22º Slam da carreira, a número 1 do mundo medirá forças com a russa Svetlana Kuznetsova, campeã do US Open de 2004 e de Roland Garros em 2009, que superou Sloane Stephens, também dos Estados Unidos.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo