Esporte

Durant deixa OKC e assina com o Golden State Warriors

04/07/2016 14h17

Redação Central, 4 jul (EFE).- Um dos principais agentes livres do mercado da NBA após o encerramento da temporada 2015-2016, o ala Kevin Durant, que estava no Oklahoma City Thunder há nove anos, anunciou nesta segunda-feira que assinou contrato de dois anos com o Golden State Warriors, atual vice-campeão da liga e pelo qual jogará com outros astros como o armador Stephen Curry.

Durant fez o anúncio de sua troca de equipe em carta publicada no site "The Player's Tribune" - o mesmo usado por Kobe Bryant para anunciar sua aposentadoria - na qual explicou os motivos que o levaram a esta decisão.

"Mas também estou em um ponto em minha vida no qual é da mesma importância encontrar uma oportunidade que estimule minha evolução como homem: sair da zona de conforto para uma nova cidade e comunidade que ofereça o maior potencial para minha contribuição e crescimento pessoal. Com isto em mente, decidi que vou me unir ao Golden State Warriors", acrescentou.

O ala, de 27 anos, foi draftado como segunda escolha geral pela única franquia que defendeu até hoje, quando esta ainda era o Seattle Supersonics, uma temporada antes da mudança para Oklahoma City. Ele foi eleito Calouro do Ano em 2008 e, a partir de 2010, sempre foi escolhido para o All-Star Game.

Além disso, junto com o armador Russell Westbrook, Durant levou o Thunder às Finais da NBA em 2012. Cestinha da NBA em quatro temporadas (2009-2010, 2010-2011, 2011-2012 e 2013-2014), ele foi MVP da temporada regular em 2013-2014 e cinco vezes integrante do melhor quinteto da NBA (2010 a 2014).

Na última temporada, o Thunder ficou perto de voltar a disputar as Finais ao abrirem 3 a 1 na série da final da Conferência Oeste contra, justamente o Golden State Warriors, mas sofreu a virada.

"Estas foram, de longe, as semanas mais desafiadoras da minha carreira. Entendia que estava em um cruzamento em minha evolução como jogador e como homem, e isso veio com tomar decisões muito difíceis. O que não entendia, entretanto, era a variedade de emoções que eu sentiria durante este processo", escreveu.

Durant reconheceu que lhe "dói saber" que vai "desapontar tanta gente" com sua escolha. "Mas acredito que estou fazendo o que sinto que é o correto neste momento da minha vida e em minha carreira como jogador", frisou.

"Vou sentir falta de Oklahoma City e o papel que tive na construção desta equipe notável. Lembrarei sempre dos relacionamentos dentro da organização - os amigos e companheiros com os quais fui à guerra em quadra por nove anos, e todos os fãs e as pessoas da comunidade. Eles sempre me apoiaram incondicionalmente, e eu não poderia ser mais grato pelo que eles significaram para minha família e para mim", afirmou.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo