Topo

Esporte

Rosberg diz ter "espionado" desempenho de Hamilton no TL2 em Silverstone

08/07/2016 15h46

Redação Central, 8 jul (EFE).- O alemão Nico Rosberg, da Mercedes, revelou nesta sexta-feira que, no segundo treino livre realizado em Silverstone, em que não saiu dos boxes, "espionou" o que foi possível das informações relativas ao companheiro, o britânico Lewis Hamilton, que foi o mais rápido nas duas atividades.

"Vou fazer o meu dever de casa, e eu estava escutando tudo o que Lewis estava fazendo, olhando seus dados, tentando aprender alguns detalhes que eu possa tirar do carro", disse o líder do Mundial de Pilotos.

Rosberg, segundo na primeira sessão do dia, acabou ficando todo o treino seguinte sem conseguir ir para a pista, devido a um vazamento de água no carro, por isso, acabou acompanhando detalhadamente o desempenho do companheiro.

O alemão, além disso, ainda disse ter aumentado a preocupação com o desempenho do australiano Daniel Ricciardo e o holandês Max Verstappen, embora Hamilton tenha colocado quatro décimos de vantagem para o piloto da Oceania.

"Parece que a Red Bull está mais perto de nós, mas na sexta-feira é sempre assim. É preciso esperar por amanhã", avaliou.

Sobre o problema mecânico que o carro de Rosberg sofreu, o diretor-técnico da Mercedes, Paddy Lowe, afirmou que houve temor de que a situação gerasse um problema no motor no carro do líder da temporada.

"Estamos pesquisando para entender o que aconteceu, e pedimos desculpas a Nico por fazer perder a sessão", afirmou o dirigente. EFE

mam/bg

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte