Esporte

"Foi um pouco surrealista", diz Scola ao receber bandeira da Argentina

11/07/2016 19h20

Buenos Aires, 11 jul (EFE).- O ala-pivô Luis Scola afirmou nesta segunda-feira que viveu um momento "um pouco surrealista" ao receber do presidente da Argentina, Mauricio Macri, a bandeira que levará na cerimonia de abertura dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

"Receber a bandeira foi um momento um pouco surrealista, mas o prêmio maior que levo é o reconhecimento de meus pares", disse Scola, porta-bandeira do país, capitão da seleção de basquete e campeão olímpico em Atenas-2006.

Cerca de 130 dos 212 atletas olímpicos e paralímpicos argentinos que estarão no Rio de Janeiro a partir de agosto estiveram presentes na cerimônia.

"Ir representar seu país em um Jogos Olímpicos, após anos de esforço, é algo absolutamente único. Esperamos que coloquem toda a energia para nos representar. No esporte, às vezes se ganha e às vezes não, mas o importante é que eles se dediquem", disse Macri. EFE

sam/lvl

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo