Esporte

Governo fretará voo para jogadores da seleção venezuelana que atuam na Europa

12/07/2016 16h47

Caracas, 12 jul (EFE).- O governo da Venezuela aprovou nesta terça-feira o pedido do técnico da seleção de futebol do país, Rafael Dudamel, para que os atletas que atuam em clubes europeus viajem em voo fretado para Barranquilla, local do duelo com a Colômbia, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo.

O apelo foi feito diretamente ao presidente venezuelano, Nicolás Maduro, e respondido positivamente hoje pelo ministro do Esporte, Mervin Maldonado, visando a partida que acontecerá no dia 2 de setembro deste ano.

"Me informaram que conseguiram recursos para o voo charter", disse o diretor de finanças da Federação Venezuelana de Futebol, Jesús Berardinelli.

Dessa forma, o governo pagará um voo partindo de Madri, de ida para a partida, e de Caracas, após o confronto com a Colômbia, e o duelo com a Argentina, que acontecerá em 6 de setembro, de volta para a capital espanhola.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo