Esporte

Rio terá espetáculos para 80 mil pessoas por dia durante Jogos Olímpicos

20/07/2016 19h55

Rio de Janeiro, 20 jul (EFE).- A Prefeitura do Rio de Janeiro oferecerá em sua região portuária espetáculos musicais e festas para cerca de 80 mil pessoas por dia durante os Jogos Olímpicos, de 5 a 21 de agosto, segundo informações divulgadas nesta quarta-feira por fontes oficiais.

Os cerca de 100 espetáculos artísticos gratuitos previstos serão realizados em três espaços montados na Zona Portuária do Rio, revitalizada especialmente para o período de competições e que se estende do Museu do Amanhã ao Museu de Arte do Rio (MAR).

A Prefeitura pretende transformar o chamado Boulevard Olímpico no principal centro de concentração de torcedores durante os Jogos. Para isso, além dos shows de 234 artistas e da transmissão das competições olímpicas em telões de alta definição, oferecerá festas populares, exposições de arte, desfiles de escolas de samba e alguns espaços especiais. Entre elas, estão um balão de onde será possível ter uma visão panorâmica do centro da capital fluminense e uma plataforma de 40 metros de altura para a prática de bungee jump.

Entre as atrações musicais destacam-se as bandas Paralamas do Sucesso e Monobloco, o cantor Diogo Nogueira e a bateria da Mangueira. No final de cada dia, por volta das 22h, a festa terminará com um espetáculo prolongado de fogos de artifício.

Outro destaque será a pira, que manterá a chama olímpica acesa durante todo o evento em um local próximo à igreja da Candelária, no centro do Rio. Será a primeira vez que a pira não ficará no estádio olímpico da cidade-sede.

A previsão da Prefeitura é que o Boulevard Olímpico atraia aproximadamente 80 mil pessoas por dia a partir de 5 de agosto e durante as duas semanas e meia de competições, com picos de 20 mil pessoas nos horários dos espetáculos musicais.

Outros pontos de concentração de torcedores serão o Parque Madureira, na zona norte do Rio, e no Centro Esportivo Miécimo da Silva, em Campo Grande, na zona oeste.

Segundo o secretário municipal de Turismo, Antonio Pedro Figueira de Mello, os espaços ajudarão a expandir o espírito olímpico pela cidade e darão alternativas gratuitas para os cariocas e turistas que não compraram ingressos para as competições.

Mello comparou os três espaços de atrações às fan fests que a Fifa montou nas 12 cidades que sediaram partidas da Copa do Mundo de 2014. Cada um dos locais de concentração contará com postos ambulantes de restaurantes e quiosques de comidas, assim como bares.

"A cidade do Rio de Janeiro é conhecida internacionalmente por saber organizar festas. Não podíamos falhar nisso", afirmou o secretário, fazendo principalmente ao carnaval e ao réveillon locais.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo