Esporte

Uruguai reforçará vigilância na fronteira com Brasil durante Jogos Olímpicos

22/07/2016 16h56

Montevidéu, 22 jul (EFE).- O exército e a polícia do Uruguai reforçarão a vigilância das áreas fronteiriças com o Brasil por ocasião da realização dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro, que serão disputados entre os dias 5 e 21 de agosto, informaram nesta sexta-feira fontes oficiais.

Em entrevista à emissora de televisão uruguaia "Canal 10", o diretor nacional de polícia, Mario Layera, afirmou que a operação especial de segurança - denominada Gavilán II - começou nesta quinta-feira e se estenderá até o final do evento esportivo.

Na operação participarão o exército e cerca de 400 agentes da polícia nacional, que realizarão controles na fronteira com o Brasil - de cerca de mil quilômetros de extensão -, nos aeroportos e nas estradas uruguaias que se conectam com o território brasileiro.

Também serão realizadas inspeções em hotéis, albergues e diferentes tipos de hospedagens.

"O principal objetivo é a prevenção e a dissuasão", garantiu Layera, que também informou que, devido aos novos controles que entraram em vigor na quinta-feira, foram apreendidos 200 quilos de maconha no departamento de Treinta y Tres.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo