Esporte

Ribéry e Guardiola trocam declarações de amor e ódio à distância

29/07/2016 15h23

Berlim, 29 jul (EFE).- O atacante Franck Ribéry, do Bayern de Munique, e o ex-técnico do time, Josep Guardiola, parecem manter um relacionamento próximo, apesar da distância que os separa.

"Gosto muito dele", respondeu Guardiola ao jornal "Bild", em clima descontraído, durante entrevista concedida na cidade de Shenzhen, na China. O espanhol comandou o Manchester City na vitória sobre o Borussia Dortmund, nos pênaltis (após empate em 1 a 1 no tempo normal), em partida pela pré-temporada da equipe inglesa no país asiático.

A declaração foi uma resposta do treinador às críticas feitas por Ribéry a seu trabalho. O francês disse se sentir mais à vontade com o novo técnico do Bayern, o italiano Carlo Ancelotti.

"Não preciso que me digam o que fazer enquanto jogo. Tenho que ser livre", afirmou Ribéry após marcar dois gols no empate em 3 a 3 entre Bayern e Milan, na última quarta, em Chicago, no qual sua equipe foi derrotada nos pênaltis.

"Carlo é 'cool', sabe como tratar grandes jogadores", acrescentou o francês.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo