Esporte

Jogos Olímpicos do Rio registram seus três primeiros casos de doping

12/08/2016 22h05

Rio de Janeiro, 12 ago (EFE).- A divisão antidoping da Corte Arbitral do Esporte (CAS) divulgou nesta sexta-feira os nomes dos três primeiros atletas pegos com substâncias irregulares durante as competições nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

Um deles é o halterofilista Tomasz Zielinski, cujo exame indicou a presença da substância 19-Norandrosterona no organismo. O polonês foi excluído dos Jogos, perdeu a credencial olímpica e ainda deve sofrer punição da federação internacional de seu esporte.

A amostra cedida pela nadadora chinesa Xinyi Chen, por sua vez, testou positivo para hidroclorotiazida. Ela aceitou cumprir uma suspensão provisória, mas o caso ainda será analisado após os Jogos.

O terceiro nome é o da búlgara Silvia Danekova, que disputava os 3.000 metros com obstáculos, pega com EPO CERA. Ela foi desclassificada das competições no Rio e ainda sofrerá sanção definitiva por parte da IAAF.

O doping é uma das maiores preocupações desta edição dos Jogos Olímpicos. O escandâlo do uso de substâncias ilegais por atletas russos de forma sistemática rendeu punições graves à delegação do país, que se encontra fortemente desfalcada pelas sanções.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo