Topo

Esporte

Presidente de Honduras diz que seleção fez história, apesar de goleada

17/08/2016 17h16

Tegucigalpa, 17 ago (EFE).- O presidente de Honduras, Juan Orlando Hernández, disse nesta quarta-feira que a seleção de futebol masculino de seu país fez "história" ao chegar às semifinais dos Jogos Olímpicos, apesar da eliminação selada por um 6 a 0 sofrido para o Brasil.

"Obrigado, seleção, por seu esforço e paixão! Fizemos história chegando às semifinais, dando exemplo ao mundo inteiro", expressou Hernández através de sua conta no Twitter.

O governante hondurenho destacou que a seleção de seu país é a primeira da América do Norte a chegar às semifinais dos Jogos Olímpicos e agradeceu aos jogadores por "colocarem o nome de Honduras entre os melhores do mundo".

"Honduras é um país pequeno, mas, quando temos que enfrentar os melhores do mundo, lutamos com o coração e defendemos nossa pátria", ressaltou.

"Os jogadores hondurenhos são todos campeões e, além dos resultados, nosso sentimento é de que deram o máximo", disse Hernández.

A seleção de Honduras perdeu nesta quarta-feira por 6 a 0 para o Brasil no Maracanã, mas ainda pode conquistar a medalha de bronze olímpica caso vença, no sábado, quem perder a outra semifinal dos Jogos, entre Alemanha e Nigéria.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte