Esporte

Brasileiros admitem satisfação por tempo abaixo do esperado e vaga no 4x400

19/08/2016 23h48

Rio de Janeiro, 19 ago (EFE).- A equipe brasileira do revezamento 4x400 metros rasos não escondeu nesta sexta-feira a euforia com a classificação para a final dos Jogos Olímpicos, que veio após a desclassificação de Trinidad e Tobago e Grã-Bretanha.

"Estou sem palavras para descrever o que a gente fez hoje aqui. Foi algo histórico. Essa formação é inédita, são meninos novos, é um trabalho de longo prazo com essa equipe", afirmou Alexander Russo, segundo a participar da prova pelos donos da casa.

O jovem, de 22 anos, que chegou a ser segundo colocado, empolgando a torcida no Estádio Olímpico Nilton Santos, o Engenhão, destacou que sequer esperava correr, já que hoje o titular Lucas Carvalho foi descartado por lesão sofrida ontem em um dos pés. Desde que foi confirmado, Alexander revelou ter tentado motivar os companheiros ao máximo.

"Na hora que eu entrei, só tinha na cabeça que eu tinha que correr sem parar. Eu falei para eles que a gente podia se quebrar, se estourar, mas que deveríamos dar o nosso melhor. Foi o que a gente fez", garantiu o paulista.

Hoje, os brasileiros correram em 3min00s43, o que lhes garantiu a oitava e última vaga na final de amanhã, após as eliminações de trinitinos e britânicos. Independente de classificação, Pedro Burmann, que abriu o revezamento, disse que o tempo já era motivo de comemoração para a equipe.

"A gente estava com expectativa muito grande de ir para a final, correndo 3min01, mas como no ano passado, no Mundial, foi atípico, com o pessoal entrando com 2min58, 2min59, algo muito forte, muito absurdo. E hoje foi a mesma coisa. Foi um tempo muito bom o nosso, o melhor resultado desse grupo, que é novo", afirmou

Para o gaúcho, de 24 anos, na final de amanhã a meta do quarteto é "correr abaixo de 3 minutos". O Brasil dividirá raia com as equipes de Jamaica, Estados Unidos, Bélgica, Botsuana, Polônia, Bahamas e Cuba.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo