Esporte

Após derrota nos pênaltis, técnico alemão exalta time: "estou orgulhoso"

20/08/2016 23h35

Rio de Janeiro, 20 ago (EFE).- O técnico da Alemanha, Horst Hrubesch, enalteceu a campanha de sua seleção no torneio de futebol masculino nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro e comemorou a medalha de prata após a derrota para o Brasil, nos pênaltis, na decisão realizada no Maracanã.

"Você me viu chorar? Estou sorrindo o tempo todo, porque estou orgulhoso do que conquistamos. Nós fizemos um campeonato fantástico", afirmou o treinador em entrevista coletiva no estádio.

Hrubesch, que como jogador disputou a Copa do Mundo de 1982, só viu pontos positivos na participação alemã nos Jogos, elogiando desde o convívio com outros atletas na Vila Olímpica e até mesmo os frutos que seus pupilos poderão colher quando voltarem a seus clubes.

"Você encontra pessoas diferentes, de esportes diferentes. Você conhece gente e conversa, é muito divertido. Como jogador de futebol, é uma experiência muito diferente, não para mim, mas para os jogadores. Espero que levem essas experiências para seus clubes quando voltarem e que a conquista seja reconhecida", afirmou.

"O que levo comigo é um sonho que virou realidade. Estar aqui foi muito divertido, e estou orgulhoso", acrescentou.

Perguntado o porquê de o time ter se retraído nos últimos minutos, o treinador comentou que o cansaço foi determinante e que, por isso, segurar o empate não era mau resultado.

"No fim do jogo, meu time estava cansado por tudo o que pasamos no campeonato, e no fim do dia, honestamente, não estávamos infelizes por irmos para os pênaltis", reconheceu.

Hrubesch se disse ciente da pressão que os 7 a 1 das semifinais da última Copa do Mundo exerciam sobre os brasileiros para esta partida, apesar de não terem em comum nem a competição, o local e a grande maioria dos jogadores. E tentou tirar proveito para seu elenco.

"Sabíamos que, para os brasileiros, era uma partida especial. Disse a meus jogadores: este é seu estadio, há 80 mil pessoas contra vocês. Peguem o lado positivo e usem isso para controlar a partida. Se vocês ficarem nervosos ou com medo, isso pesará contra vocês", explicou.

Ao avaliar o torneio olímpico de futebol, o técnico alemão defendeu sua permanência no programa dos Jogos.

"Estou muito feliz que o futebol ganhou, o futebol nos Jogos. Especialmente na Alemanha, não tinham muita expectativa, e acredito que o time representou bem o país. Acho que faz sentido levar o torneio olimpico de futebol a sério no futuro", opinou.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo