Topo

Esporte

Rosberg admite que corrida ficou mais fácil com Hamilton no fundo do grid

28/08/2016 14h14

Redação Central, 28 ago (EFE).- Vencedor do Grande Prêmio da Bélgica de Fórmula 1 de ponta a ponta neste domingo, o alemão Nico Rosberg admitiu que teve menos dificuldades porque seu companheiro de equipe na Mercedes, o britânico Lewis Hamilton, largou em penúltimo lugar.

"Foi fantástico conseguir a vitória em uma pista tão especial, mas com Lewis começando lá de trás tornou tudo um pouco mais simples. Mas certamente em Monza voltará a haver uma grande luta como sempre", comentou o vice-campeão das duas últimas temporadas.

Rosberg largou na pole, enquanto Hamilton, líder do Mundial, saiu em penúltimo lugar. O inglês fez uma corrida de recuperação e cruzou a linha de chegada em terceiro.

"Na largada, fui pressionado, e no segundo 'stint' (após primeira troca de pneus) também tive certa preocupação, mas em linhas gerais tinha tudo sob controle. Com a nova largada, complicou um pouco, mas fui bem. O fato de Lewis não estar por perto fez com que o fim de semana fosse um pouco mais fácil. Estou muito satisfeito com esta vitória", declarou.

Um acidente com o dinamarquês Kevin Magnussen (Renault) levou a corrida a ser paralisada por cerca de dez minutos e obrigou a realização de uma relargada.

"A bandeira vermelha e tudo mais que aconteceu nas primeiras voltas tornou tudo mais difícil, mas seguimos em frente. Foi uma corrida muito boa", acrescentou o alemão, que agora está a nove pontos de Hamilton (232 a 223).

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte