Esporte

Bicampeão continental, Chile visita Paraguai de olho em subir na tabela

31/08/2016 16h11

Assunção, 31 ago (EFE).- A seleção chilena, bicampeã da Copa América, voltará a campo nesta quinta-feira, às 21h (horário de Brasília), em visita ao Paraguai, de olho na possibilidade de melhorar ainda mais a quarta colocação atual nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018.

A 'Roja', que venceu pelo segundo ano seguido uma final sobre a Argentina nos pênaltis, primeiro pela edição regular, e depois pela especial, pelo centenário da competição, está com dez pontos, atrás de Uruguai (13), Equador (13) e Argentina (11).

Para a partida pela sétima rodada, o primeiro depois da conquista da Copa América, o Chile não contará com o goleiro Claudio Bravo, que acaba de trocar o Barcelona pelo Manchester City, e pediu dispensa por "motivos pessoais-familiares".

Outros desfalques que terá o técnico argentino Juan Antonio Pizzi são o zagueiro Gonzalo Jara e o meia Marcelo Díaz, esse último por ter sido expulso na decisão com a Argentina na competição continental.

Por outro lado, os principais nomes do futebol chileno na atualidade, o meia Arturo Vidal e o atacante Alexis Sánchez, estarão em campo, assim como Eduardo Vargas, artilheiro da edição recente da Copa América, com seis gols marcados.

O Paraguai, por sua vez, está com nove pontos, na sétima colocação, ou seja fora da zona de classificação para a Copa do Mundo. A grande novidade para o retorno das Eliminatórias é o ex-lateral-direito de Grêmio e Palmeiras Francisco Arce na função de técnico, para substituir o argentino Ramón Díaz.

O novo comandante da 'Albirroja', no entanto, tem uma série de problemas para formar o 11 inicial. O goleiro Justo Villar e o meia Nestor Ortigoza tentam se recuperar de lesão para entrar em campo no estádio Defensores del Chaco, em Assunção.

Ainda nesta quinta-feira, a Colômbia, terceira colocada na Copa América jogará em casa contra a Venezuela, e tentará manter a boa fase, já que vem de vitória sobre o Equador na sexta rodada das Eliminatórias, e de terceiro lugar na Copa América.

A 'Vinotinto', por sua vez, é outro que tenta manter a boa fase, já que, após superar racha no elenco, voltando a contar com os principais atletas, conseguiu avançar até às quartas do torneio continental, inclusive vencendo o Uruguai na fase de grupos.

Além do clássico entre argentinos e uruguaios, em Mendoza, e equatorianos e brasileiros, em Quito, ainda acontecerá, em La Paz, o confronto entre a Bolívia, nona colocada, e o Peru, que está um posto acima na tabela da competição.



Possíveis escalações:.

Paraguai: Villar (Silva); Moreira, Da Silva, Gómez e Candia; Ayala, Rojas, Ortigoza (Riveros) e Óscar Romero; Lezcano e Santander. Técnico: Francisco Arce.

Chile: Toselli; Isla, Medel, Roco e Mena; Silva, Aránguiz, Vidal; Fuenzalida, Vargas e Sánchez. Técnico: Juan Antonio Pizzi.

Árbitro: Néstor Pitana (Argentina), auxiliado pelos compatriotas Hernán Maidana e Juan Pablo Belatti.

Estádio: Defensores del Chaco, Assunção.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo