Esporte

Atleta paralímpico saudita é suspenso por doping e está fora do Rio 2016

12/09/2016 17h02

Redação Central, 12 set (EFE).- O Comitê Paralímpico Internacional informou nesta segunda-feira que decidiu punir por oito anos o halterofilista saudita Mashal Alkhazai por ter sido pego pela segunda vez na carreira em um exame antidoping.

Uma análise da urina do atleta após revelou o uso de metenolona, uma substância proibida. O exame foi realizado antes da disputa dos Jogos Paralímpicos de 2016, no Rio de Janeiro.

A metenolona é um agente analobilizante incluído na lista de substâncias proibidas da Agência Mundial Antidoping (Wada).

A suspensão de oito anos começou a valer ontem e termina em 12 de setembro de 2024, o que impede Alkhazai de participar do Rio 2016.

O saudita iria disputar na quarta-feira a categoria até 107 quilos do halterofilismo. Depois da notícia, o atleta já teve sua credencial retirada e deixou a Vila Paralímpica.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo