Esporte

Árbitros uzbeques são banidos do tênis por envolvimento com apostas ilegais

14/09/2016 16h27

Redação Central, 14 set (EFE).- A Federação Internacional de Tênis (ITF) anunciou nesta quarta-feira que os árbitros Sherzod Hasanov e Arkhip Molotyagin, ambos do Uzbequistão, estão banidos do esporte, após terem confessado envolvimento em esquema de apostas ilegais.

De acordo com as investigações, durante a disputa de um torneio da série Future, para jovens atletas, em Israel, entre 7 e 9 de setembro do ano passado, a dupla atrasava o registro dos pontos no sistema oficial disponibilizado pela ITF. Enquanto isso, avisavam a terceiros sobre o placar das partidas, permitindo que apostassem sem chance de erros.

Além disso, os uzbeques admitiram que marcaram pontos fictícios no sistema, em outras competições do circuito Future. Hasanov também foi acusado de cooptar Molotyagin, e de tentar convencer outros árbitros a participar do esquema em janeiro de 2015.

As investigações sobre o caso foram comandadas por uma Unidade de Integridade da federação, e o julgamento coube a um Painel Disciplinar da entidade, que se baseou no Código de Condutas para Árbitros certificados.

Banidos do tênis, os dois árbitros punidos nesta quarta-feira não podem participar de qualquer evento da ITF, assim como da ATP e WTA, que organizam os circuitos masculino e feminino, respectivamente. EFE

sdc/bg

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo