Esporte

Paulo César Gusmão deixa comando do Marítimo, de Portugal

19/09/2016 18h47

Lisboa, 19 set (EFE).- O brasileiro Paulo César Gusmão não é mais técnico do Marítimo, vice-lanterna do Campeonato Português, que perdeu quatro dos cinco jogos disputados até o momento, divulgou o clube nesta segunda-feira por meio de comunicado.

De acordo com o texto, a saída do ex-comandante de Vasco, Palmeiras, Flamengo, Cruzeiro, Botafogo, Fluminense, entre outros, foi tomada em comum acordo. O auxiliar do carioca, de 54 anos, Jorge Soter, também deixa a equipe da Ilha da Madeira.

Gusmão é o primeiro técnico a ficar desempregado nesta edição do Português. O Marítimo, que o brasileiro comandava, tem apenas três pontos, com uma vitória e quatro derrotas em cinco jogos, estando a frente apenas do Tondela.

Esta é a terceira mudança de técnico promovida pela equipe em 2016. Em janeiro, Ivo Vieira foi demitido pelos maus resultados, e o sucessor, Nelo Vingada, deixou o clube no fim da temporada passada.

O elenco do Marítimo é um dos que mais tem brasileiros, 13 no total. Entre eles, estão o goleiro Gottardi, ex-Inter e Portuguesa, o volante Fransérgio, ex-Atlético Paranaense.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo